• Seleção Brasileira Sub23 vence a Argentina e termina em quinto

    Fonte: CBV

    A seleção brasileira Sub-23 masculina venceu a Argentina por 3 sets a 1 (25/19, 25/18, 30/32 e 25/22), em 1h47 de jogo, nesta segunda-feira (31.08), e terminou o Mundial da categoria na quinta colocação. O time comandado pelo técnico Rubinho disputou sete jogos em Dubai, nos Emirados Árabes, com uma campanha de cinco vitórias e duas derrotas.

    O ponteiro Douglas Souza foi o destaque da partida e terminou o confronto como o maior pontuador, com 20 acertos. O central Aracaju teve mais uma boa apresentação e também pontou bem para o time verde e amarelo, com 17 acertos. Pela Argentina, Pablo Koukartsev of anotou 19 pontos e foi o principal atacante.

    Após a partidar, o técnico Rubinho enalteceu o ponto que considerou fundamental na vitória, o conjunto bloqueio-defesa e o saque dos seus comandados.

    “Fizemos um bom jogo, melhor do que o duelo anterior contra a Argentina, na fase preliminar. Parabéns à seleção argentina por jogar muito bem com uma equipa tão jovem. Mas hoje jogamos melhor no conjunto bloqueio-defesa e no saque. Este é um campeonato difícil. Nós tentamos o nosso melhor, jogando tão bem quanto possível. Todas as equipes neste torneio foram muito bem taticamente e fisicamente”, analisou o técnico Rubinho
    .
    “Acho que jogamos muito bem nos dois primeiros sets. Não estivemos bem no terceiro, mas fomos capazes de gerir isso e ficarmos com o quinto lugar. Quero parabenizar a Argentina pelo trabalho duro contra nós durante o torneio”, analisou o levantador e capitão Thiaguinho.

    O jogo começou equilibrado, mas após o primeiro tempo técnico, o time verde e amarelo deslanchou – com grande atuação de Douglas Souza – e fechou a primeira parcial. O Brasil continuou mantendo o ritmo no segundo set, mantendo a liderança do placar desde o primeiro tempo técnico, explorando bem as jogadas com Aracaju.

    A Argentina melhorou no início do terceiro set, com bons ataques de Pablo Koukartsev e Joaquin Gallego, mantendo a ponta do placar. O Brasil conseguiu igualar o jogo em 19/19, mas no final a Argentina salvou três pontos do jogo, virando o placar, e adiou a vitória brasileira.

    Bem no saque e no bloqueio, o time de Rubinho abriu uma vantagem de cinco pontos no começo do quarto set e não foi mais alcançado. O Brasil terminou com quatro pontos de saque, contra dois dos adversários, além de ter cedido menos erros. Foram 31 pontos cedidos pelo time argentino, contra 22 da seleção brasileira.

    O Brasil começou a partida com o levantador Thiaguinho, o oposto Alan, os ponteiros Kadu e Douglas, os centrais Aracaju e Flávio, além do líbero Rogerinho. Entraram durante o jogo o levantador Fernando, o oposto Wagner e o ponteiro João.

  • Funvic/Taubaté/São Paulo volta aos treinos visando o próximo jogo

    Fonte: Tuddo Comunicação

    Após a vitória do último sábado (29 de Agosto) diante do Climed/Atibaia, pela estreia do Campeonato Paulista da Divisão Especial, por 3 sets a 1, a  Funvic/Taubaté/São Paulo já retorna aos treinos nesta segunda-feira (31), no período da tarde.

    Essa será uma semana curta, já que na sexta-feira (04 de setembro) o time entra em quadra para sua segunda partida pelo Estadual. O adversário será o Santo André, no Abaeté.

    Ainda sem os atletas que estão na Seleção Brasileira (Rapha, Lipe, Lucarelli, Otávio), Gavin Schmitt que serve a Seleção Canadense, e o Central Riad que treina em Taubaté, mas ainda se recupera de uma lesão no joelho, o técnico Cezar Douglas começa a preparar a equipe com treinos mais intensos.

    “Essa é décima quarta semana de trabalho e estamos dando ênfase nos treinos táticos. Queremos evoluir no coletivo e para isso aumentamos a dificuldade dos treinos para enfrentar os adversários que estão na disputa do título. Ainda procuramos ajustar nossa equipe, equilibrar os sistemas. Hoje começamos a estudar o Santo André e a preparar o time para a estreia em casa”, disse o treinador.

    Lembrando que a partida contra o Santo André será nesta sexta-feira (04 de setembro), às 20 horas, no Abaeté, em Taubaté. Informações sobre ingressos serão divulgadas em breve.

  • Bauru vence a primeira no Paulistão 2015

    Fonte: Fábio Barbosa/Assessoria Vôlei Bauru

    Em uma noite especial, dentro e fora de quadra, o Concilig Vôlei Bauru derrotou o São Cristóvão Saúde/São Caetano por três sets a um, parciais de 25×22, 30×28, 23×25 e 26×24, e conquistou a primeira a vitória no Campeonato Paulista. A partida teve 2h15 de duração. Iniciaram o jogo pelo time bauruense a levantadora Camila Adão, as ponteiras Nayara Félix e Natiele, as centrais Dani Suco e Fernanda Isis e a oposta Bruna Honório.

    A torcida fez a parte dela e compareceu em bom número ao ginásio Panela de Pressão. Além da grande partida de voleibol, os torcedores assistiram a um show musical antes do jogo, receberam brindes, desfrutaram do espaço kids para as crianças e alimentação com food trucks.

    A partida foi bem equilibrada em todos os sets. No primeiro, o Concilig Vôlei Bauru dominou o placar o tempo todo, com boa atuação da central Dani Suco e da oposta Bruna Honório. O São Caetano reagiu no segundo set e tomou a liderança no placar, chegando a abrir quatro pontos de vantagem. Com uma boa reação e após cinco sets points, a equipe bauruense fechou o set e aumentou a vantagem.

    Com dois sets a zero no placar, o Concilig Vôlei Bauru relaxou e viu o São Caetano dominar a terceira etapa, ficando à frente o tempo todo. Apesar do equilíbrio, o time do ABC paulista fechou o set em 25×23. O quarto set caminhava para mais uma vitória do São Caetano, que chegou a abrir 8×1. Mas, após os pedidos de tempo do técnico Chico dos Santos, o Concilig reagiu e fechou o set em 26×24 e a partida em três sets a um.

    Os destaques do Concilig Vôlei Bauru no jogo foram a oposta Bruna Honório, com 17 pontos, e a ponteira Nayara Félix, com 15. Disputaram a partida pela equipe bauruense as levantadoras Ana Tiemi e Camila Adão, as opostas Bruna Honório e Fernanda Melo, a líbero Andressa, as centrais Dani Suco, Fernanda Isis e Alanna, e as ponteiras Natiele, Mari Cassemiro, Mari Hellen e Nayara Félix.

    O próximo compromisso do Concilig Vôlei Bauru pelo Campeonato Paulista é fora de casa, sexta-feira (4), contra o Osasco/Vôlei Nestlé.

  • Sesi vence Uniara pelo Paulista Feminino 2015

    Fonte: Amanda Demétrio

    E as meninas da Vila venceram mais uma. Jogando em casa com o apoio da torcida, a equipe do Serviço Social da Indústria de Paulo (Sesi-SP) enfrentou o Uniara/Afav na noite deste sábado (29/8) e garantiu mais três pontos. Com o placar de 3 sets a 0 (25/20/ 25/17 e 25/18) as comandadas do técnico Talmo de Oliveira conquistaram a segunda vitória no Campeonato Paulista de Vôlei Feminino.

    As donas da casa começaram o jogo com alguns erros de entrosamento, o que facilitou a vantagem das adversárias. Mesmo ficando atrás no placar com cinco pontos a menos, a equipe do Sesi-SP não se deixou abater e foi atrás do prejuízo. Com garra, as meninas viraram o marcador e garantiram o primeiro set do jogo. Nos dois seguintes, o bom entrosamento das levantadoras com as atacantes facilitaram o andamento do jogo.

    Capitã há dois jogos, Bia comemora a função. “É uma experiência nova e está sendo muito legal. É a primeira vez que entro em quadra como capitã de equipe, mas as meninas são demais, me ajudam a comandar. Estou muito orgulhosa, ainda mais por estar representado a Fabiana, grande capitã da Seleção Brasileira”.

    Para a central, mesmo com as vitórias, a equipe vem pecando. Ela acredita que o erro está nos inícios de jogo atrás. Bia alerta que para a equipe seguir bem na competição é preciso manter o bom ritmo do começo ao fim.

    “Desde o começo da temporada começamos atrás no placar e conseguimos recuperar, mas tem situações que não vamos conseguir, então precisamos mudar esse começo de jogo. É um passe que não sai, uma defesa que não é boa, esse tipo de situação não pode acontecer, temos que manter o ritmo durante o jogo todo”, completou Bia.

    Com 12 pontos, a ponteira Ellen Braga foi a maior pontuadora da partida, seguida pela central Bia e a ponteira Sabrina, com 10 pontos cada. O Sesi-SP entrou em quadra com Ellen Braga, Sabrina, Carol Leite, Andreia, Angélica, Bia e a líbero Suelen. Entraram Pri Heldes, Amabile e Michelle Daldegan.

    O próximo confronto da equipe será na sexta-feira (04/9), às 18h, na Vila Leopoldina.

  • Meninas do Minas/Náutico são campeãs da Liga Nacional Sub23

    Fonte: CBV

    As meninas do Minas/Náutico (MG), de Belo Horizonte (MG), são as campeãs da Liga Nacional Sub-23 2015. O time mineiro levou o título de forma invicta e sem perder nenhum set. Neste domingo (30.08), veio a quarta vitória em quatro jogos, desta vez contra o time da casa, o CRB (AL), por 3 sets a 0 (25/12 25/16 e 26/24), em 1h20 de partida no ginásio FAV/V2, em Maceió (AL). Além do troféu o resultado também garantiu o Minas na Superliga B em 2016.

    Contando com atletas com passagens na seleção de base, o time de Minas Gerais dominou o jogo do início ao fim. O sistema de saque e bloqueio foi o ponto forte das campeãs que não deram chances às donas da casa. O CRB teve bastante dificuldade no passe, o que diminuiu a eficiência na virada de bola. O campeão olímpico Ânderson Rodrigues, treinador da equipe mineira, disse que aprendeu bastante com o torneio.

    “Nosso objetivo era o título. Eu, que sou novato na carreira de treinador, pude tirar muito proveito desta experiência. Eu pressionei as meninas para darem o melhor delas. Eu sempre gostei de ganhar, seja jogando bem ou mal. Hoje tivemos alguns momentos que não foram muito bons, mas conseguimos o resultado que queríamos ”, completou Ânderson.

    A ponteira Karol, capitã do Minas, elogiou o desempenho das companheiras e concordou com o treinador quanto à evolução do grupo ao longo da competição.

    “Terminamos o campeonato com o sentimento de missão cumprida. Nosso time foi crescendo a cada jogo, e estamos muito felizes com o resultado”, disse a jovem ponteira de 19 anos.

    Mais cedo, Recanto da Criança (AM) e APROVEC Voleibol (GO) se enfrentaram na abertura da quinta e última rodada do torneio feminino. Melhor para a equipe amazonense que venceu por 3 sets a 2 (25/22, 25/21, 23/25, 23/25 e 16/14), em 2h15. Com o resultado o time do Amazonas terminou na quarta posição e o representante de Goiás em quinto. A prata do torneio foi para o Blumenau V.C, (SC) que já havia encerrado a sequência de quatro jogos neste sábado (29.08) e não podia mais ser alcançado, e o bronze quem levou foi o CRB.

  • Futel é campeão da Liga Nacional Sub23 2015

    Alexandre Arruda/CBV
    Alexandre Arruda/CBV

    Fonte: CBV

    O Gabarito/UNIPAC/FUTEL, de Uberlândia (MG), é o campeão da Liga Nacional Sub-23 2015. Neste domingo (30.08) o time mineiro venceu o CRB (AL) por 3 sets a 0 (25/17, 25/11 e 25/16), em 1h15 de jogo no ginásio FAV/V2, em Maceió (AL). Além de chegar no lugar mais alto do pódio a equipe de Minas Gerais ainda assegurou vaga na Superliga B 2016.

    No jogo a torcida local colocou pressão o tempo todo, mas o time do Gabarito/UNIPAC/FUTEL manteve a tranquilidade o tempo todo. Do outro lado, o time alagoano, formado majoritariamente por atletas de categoria infanto-juvenil, sentiu o nervosismo da decisão e exagerou na quantidade de erros. Ao fim da partida o treinador da equipe mineira, Manoel Honorato, destacou a frieza do grupo na hora de decidir.

    “Conseguimos alcançar nosso objetivo. O fator determinante foi a nossa tranquilidade. Estudamos bastante nosso adversário, mas sabíamos que teríamos a torcida contra como uma das armas, e soubemos manter o equilíbrio emocional”, contou Honorato.

    O levantador Heitor, capitão do Gabarito/UNIPAC/FUTEL, fez coro com o treinador, ao comentar sobre a atitude dos companheiros dentro de quadra na final.

    “Este foi um campeonato difícil. Eu acreditava muito neste time. Tivemos sempre paciência na virada de bola. Sabíamos que a torcida local apoiaria o CRB e que teríamos que suportar a pressão. Mas conseguimos manter a tranquilidade ao longo da partida e chegamos ao título”, disse Heitor.

    Antes da grande decisão, o P M Castro (PR) conquistou a medalha de bronze ao derrotar, de virada, o Vitória/FSBA (BA) por 3 sets a 1 (24/26, 25/14, 25/14 e 25/19), em 1h57 de disputa. Apesar do revés no primeiro set o time paranaense voltou para a segunda parcial mais concentrado e com um bom volume de jogo dominou as ações no restante da partida.

  • Funvic/Taubaté/São Paulo vence na estreia do Paulistão 2015

    foto: Divulgação Funvic
    foto: Divulgação Funvic

    Fonte: Tuddo Comunicação

    Na noite deste sábado (29 de Agosto) a Funvic/Taubaté/São Paulo fez sua estreia no Campeonato Paulista da Divisão Especial. Jogando fora de casa, contra o Climed/Atibaia, o time Taubateano venceu pelo placar de 3 sets a 1.

    A partida começou com bons saques e contra-ataques por parte dos visitantes que fecharam a primeira parcial em 25/19. O segundo set começou com a equipe da casa mais ligada, dificultando as coisas para a Funvic/Taubaté/São Paulo , que errou muito no set. Com isso, o Climed/Atibaia se manteve a frente do placar por todo o set e fechou por 25/21.

    Com a partida empatada, o terceiro set foi de mais atenção por parte da equipe de Taubaté. Com um forte bloqueio, o time abriu grande vantagem e fechou a parcial em 25/14.

    O quarto set foi o de maior equilíbrio, com as equipes se alternando na vantagem do marcador. No final a força da Funvic/Taubaté/São Paulo prevaleceu e a equipe fechou o set pelo placar de 26/24 e o jogo em 3 sets a 1.

    O técnico Cezar Douglas falou sobre o resultado positivo conquistado fora de casa.

    “O resultado foi importante. Estrear com vitória em um campeonato de grande expressão e de suma importância para o projeto, e ainda fora de casa, nos trás um amadurecimento para a continuidade do trabalho”, contou.

    Agora a equipe se prepara para o próximo jogo da competição. A partida será em Taubaté, no dia 04 de setembro, sexta-feira, ás 20 horas, contra o Santo André.

  • Seleção Brasileira Sub23 vence Coréia do Sul no Mundial da categoria

    Divulgação/FIVB
    Divulgação/FIVB

    Fonte: CBV

    A seleção brasileira sub-23 masculina garantiu um lugar na disputa pelo quinto lugar do Mundial da categoria. Neste domingo (30.08), o Brasil venceu a Coréia do Sul por 3 sets a 0 (25/20, 25/15 e 25/22), em 1h13 de jogo, em Dubai, nos Emirados Árabes. O adversário do time verde e amarelo na disputa pela quinta colocação será a Argentina, que também neste domingo superou o Irã por 3 sets a 1 (25/17, 17/25, 25/23 e 25/21).

    O Brasil duelará com a Argentina às 7h30 (Horário de Brasília) desta segunda-feira (31.08) no encerramento do Mundial.

    O atacante Kadu foi o destaque da partida e terminou o confronto como o maior pontuador, com 14 acertos. Os centrais Aracaju e Flávio e o ponteiro João, com nove pontos cada, também pontuaram bem para o time verde e amarelo.

    O treinador Rubinho elogiou a postura dos brasileiros no duelo contra a Coréia do Sul e garantiu que o Brasil está pronto para o duelo com a Argentina pelo quinto lugar.

    “Nós fizemos uma boa partida mesmo com alguns erros de recepção e saque, especialmente no terceiro set. Vamos lutar muito para conseguir o quinto lugar. A Argentina é um time muito bem organizado e talentoso. Estamos prontos para a partida de amanhã, disse Rubinho.

    O levantador Thiaguinho comentou sobre o confronto contra a Coréia do Sul e o duelo pelo quinto lugar.

    “Foi um bom jogo. Nós jogamos muito bem nos dois primeiros sets e no terceiro tivemos um pouco mais de dificuldade. Vamos lutar para buscar o quinto lugar contra a Argentina”, garantiu Thiaguinho

    O Brasil começou a partida com o levantador Thiaguinho, o oposto Alan, os ponteiros Kadu e Douglas, os centrais Aracaju e Flávio, além do líbero Rogerinho. Entraram durante o jogo o levantador Fernando, o oposto Wagner e o ponteiro João.

  • Itabirito vence o Mackenzie no Mineiro Feminino 2015

    foto: Divulgação
    foto: Divulgação

    Fonte: FMV

    Não poderia ser melhor. O Vôlei Itabirito fez o dever de casa na tarde deste sábado (29), venceu o Mackenzie/ArcelorMittal por 3 sets a 0 pela segunda vez em dois dias e deu um passo importante rumo à semifinal do Campeonato Mineiro Feminino 2015. A vitória teve parciais de 25/15, 25/20 e 25/19.

    Com os resultados, a equipe da Região Metropolitana de Belo Horizonte soma duas vitórias na fase de classificação e tem pela frente dois confrontos contra o Minas Náutico. O mesmo caminho aguarda o Mackenzie/ArcelorMittal, que precisa vencer os dois compromissos para ter chances de classificação.

    Modo de disputa
    Na fase de classificação, Mackenzie/ArcelorMittal, Minas Náutico e Vôlei Itabirito se enfrentam em turno e returno. Os dois primeiros colocados se juntam a Camponesa/Minas e Praia Clube para a disputa do quadrangular final, que será realizado no Praia Clube, em Uberlândia, atual campeão estadual. As partidas estão programadas para os dias 28 a 31 de outubro. No quadrangular final, as quatro equipes participantes se enfrentam em turno único. As duas primeiras disputam a final e as outras duas jogam pelo terceiro lugar.

  • Montes Claros vence na estreia do mineiro 2015

    Foto: Matheus Pereira/Montes Claros Vôlei
    Foto: Matheus Pereira/Montes Claros Vôlei

    Fonte: FMV

    Em seu primeiro passo na temporada 2015, o Montes Claros Vôlei não decepcionou sua apaixonada torcida e venceu o UninCor/Três Corações na noite de sábado (29), no Ginásio Tancredo Neves, em Montes Claros. A vitória foi por 3 sets a 0 , com parciais de 25/18, 25/23 e 25/18.

    A partida marcou também a estreia de André Nascimento na equipe do Norte de Minas. O próximo compromisso do Montes Claros Vôlei na competição estadual será às 20h de quarta-feira (02), novamente em casa, contra o UFJF Vôlei. Após dois jogos fora de casa, o UninCor/Três Corações volta a jogar na quarta-feira, 09 de setembro, quando recebe o Sada Cruzeiro no ginásio Pelezão.