• Vôlei Master 2015 – Presidente Walter Pitombo Laranjeiras prestigia competição

    Fonte: CBV

    Abraços, reencontros e muitas histórias para contar. O torneio Master, realizado no Centro de Desenvolvimento do Voleibol, em Saquarema (RJ), contou com uma visita ilustre nesta quarta-feira (18.11). O presidente da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV), Walter Pitombo Laranjeiras, o Toroca, esteve presente para acompanhar de perto o maior campeonato para atletas acima de 35 anos do país na modalidade.

    Entre reencontros, como com a medalhista olímpica Mônica Rodrigues, medalha de prata nos Jogos Olímpicos de Atlanta-2006, e novas amizades, Toroca destacou a importância do torneio. O Master reúne mais de 2 mil atletas, com representantes de 20 estados brasileiros e até mesmo outros países, casos de equipes da Argentina e do Peru.

    “O Master é uma competição muito importante e que há anos deveria estar da maneira como está hoje, com dimensões nacionais. Ele era disputado regionalmente, nos estados, com menor frequência. A construção do CDV, em Saquarema, proporcionou que fosse realizado com representantes de todo país, como uma grande festa. Para nós, da CBV, é muito gratificante termos vários clubes. Esperamos que a cada ano seja ainda melhor, evoluindo”, destacou Toroca, que circulou pelas quadras de voleibol indoor e de praia.

    Nesta quarta-feira foram disputados jogos de duplas e quartetos do vôlei de praia nos dois gêneros, nas categorias 40+, 50+, 59+, 63+. No voleibol de quadra, foi realizada a segunda etapa, com partidas em ambos os naipes nas categorias +35, +45 e +55. Oportunidade para diversos atletas amadores conhecerem a grande estrutura de Saquarema e vivenciarem a rotina de jogos de seus ídolos do voleibol.

    “As pessoas que não conhecem Saquarema ficam encantadas quando chegam aqui pela primeira vez. Viajei pelo mundo chefiando a delegação brasileira e não conheço um local, especificamente para o voleibol, que seja igual a este. O Master permite esse contato, que o fã conviva no mesmo local de seus ídolos por um dia. E esperamos aumentar este espaço, construir mais ginásios e acomodações, aumentando as competições”, disse o presidente da CBV.

    Uma equipe de 100 profissionais, entre árbitros, delegados e colaboradores da CBV, dá suporte à competição. Além de hospedagem, o CDV também conta com restaurante e bares para alimentação. As partidas do voleibol de quadra são exibidas pelo site da CBV, no link http://voleimaster.cbv.com.br/transmissao.php

    Durante o Vôlei Master 2015 serão 152 equipes nas quadras e mais de 248 duplas e quartetos na areia. O evento conta com a participação de 20 estados. Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, São Paulo, Paraná, Distrito Federal, Ceará, Pernambuco, Pará, Bahia, Mato Grosso do Sul, Rio Grande do Norte, Paraíba, Goiás, Roraima, Alagoas, Amapá, Santa Catarina e Tocantins enviaram representantes.

  • Vôlei Climed/Atibaia é campeão na Copa Itatiba

    Foto: Divulgação/Atibaia
    Foto: Divulgação/Atibaia

    Fonte: AEA Esportes

    A equipe Climed/Atibaia de voleibol categoria pré mirim feminino foi até Itatiba no sábado 14/11 para disputar a final da categoria contra a equipe de Porto Feliz.

    Superando todas as expectativas, a equipe Climed/Atibaia venceu por três sets a zero. “Foi muito bom ver a concentração das nossas meninas, não permitindo que as adversárias ‘gostassem’ do jogo”, comentou o técnico José Ferro. Ele ainda fez questão de destacar o importante trabalho realizado pelo auxiliar técnico Herivelto, que filmou todos os jogos para posterior estudo dos erros e acertos de cada uma das meninas.

    Desde o início dos trabalhos dessa categoria no ano passado, pode-se constatar o crescimento e a maturidade da equipe.

    As atletas campeãs são Angelina, Bianca, Carol, Gabriela, Gabriele, Renata, Larissa, Isabela, Maria Isabel e Nicole.

    Os treinos continuarão até 15/12 no Ginásio Rolando Rolli (Atibaia Jardim), às segundas, quartas e sextas, das 15h às 17h, e terças e quintas, das 14h às 16h30.

  • Após procedimento cirúrgico no ombro, Sidão passa bem

    Fonte: Amanda Demétrio – Assessoria de Imprensa SESI-SP / FIESP

    O Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP), informa que o atleta Sidnei dos Santos Junior, o Sidão, que se submeteu, na tarde de terça-feira (17) a uma cirurgia no ombro, procedimento conhecido como “lesão Slap”, passa bem.

    Segundo o Dr. Sérgio Xavier, médico do Sesi-SP, a cirurgia, que durou cerca de duas horas, correu como o planejado, o jogador passa bem e deverá receber alta hoje (18), no início da tarde. A previsão de volta as quadras varia de 4 a 6 meses para este tipo de lesão.

    O Sesi-SP se coloca à disposição, por meio de seu centro de referência em ciência do esporte, e dará todo o suporte necessário para a recuperação integral do atleta, que continuará fazendo parte do excelente grupo formado para a temporada 2015/16.

  • Vôlei Master 2015 – Exemplos para a vida

    Fonte: CBV

    Se o Campeonato Vôlei Master 2015 é um exemplo para muitos jovens continuarem praticando o voleibol por muito tempo, o próprio Campeonato Master tem um exemplo que serve de estímulo aos mais de 2.100 participantes do evento em 2015.

    A equipe VM/CE Miécimo da Silva não ganhou um set sequer nos seus quatro jogos que disputou, não apresentou um jogada nova, sequer tinha em seu plantel um medalhista olímpico aposentado. A equipe carioca que participa pela segunda vez do Campeonato Master foi o atrativo desta primeira etapa, e seus atletas, todos com mais de 70 anos, foram tietados pelos participantes mais jovens. Isso porque VM/CE Miécimo da Silva tem em seu plantel o inesgotável José de Oliveira, 87 anos, que bateu seu próprio recorde estabelecido no ano passado, como o atleta com mais idade a disputar uma partida organizada pela Confederação Brasileira de Voleibol.

    Se o ancião é um exemplo de que é possível continuar, o Master 2015 viu em quadra alguns de ídolos do vôlei de praia da década de 1990 e 2000. Jan, Guilherme e Pará compunham a equipe da DCV/Rio Gestão/Fiammentta, campeã da categoria 40+.

    categoria 59/67+ masculino

    Nesta terça-feira (17.11), na categoria 59/67+ masculino, a final da categoria colocou novamente em quadra as equipes do Old Boys/Fluminense/Carioca e do Grussai/Praia Clube. Com transmissão ao vivo pela CBVTV as duas equipes fizeram um jogo de muita dedicação e esforço, e o placar final de 2 sets a 1 favorável ao Grussai/Praia Clube deu aos cariocas a medalha de ouro. A prata foi muito comemorada pelo Old Boys/Fluminense/Carioca. Mas o maior exemplo do que significa o Campeonato Vôlei Master foi a participação pelo segundo ano seguido do VM/CE Miécimo da Silva, com atletas acima de 67 anos. Aliás, os vovôs do Master receberam a medalha de ouro por terem sido os únicos inscritos na categoria 67+.

    categoria 50+ masculino

    Já na categoria 50+, nesta terça-feira (17.11), o Álvares Cabral (ES) venceu a Urca Rio (RJ) por 2 sets a 0 em uma semifinal, enquanto AABB Brasília foi derrotada no tie-break pela AA Light (RJ) na outra semifinal. A Final da categoria 50+ masculina entre Álvares Cabral (ES) e AA Light (RJ) foi de muita técnica e uso do potencial de dedicação tática. Ao final, a vitória dos capixabas mais uma vez. Com o ouro, os 50+ do Álvares Cabral (ES) conquistaram o tricampeonato. O pódio teve ainda o bronze da AABB Brasília (DF).

    categoria masculino 40+

    Nesta terça-feira (17.11), UNIPA-APAC (MG), atual campeã, faz uma das semifinais contra o Clube Duque de Caxias (PR) e foi derrotada por 2 sets a 0 pela equipe estreante do Paraná. Na outra semifinal, Canto do Rio/Outback não conseguiu fazer frente ao bom elenco do DCV/Rio Gestão/Fiammentta.

    Na grande final, um jogo de muita qualidade. Os paranaense chegaram a sair na frente vencendo o primeiro set, mas o trio Guilherme, Pará e Jan comandaram a virada do DCV/Rio Gestão/Fiammentta, que retorna à competição com título. Os paranaense do Clube Duque de Caxias ficaram com a prata e o bronze ficou com o  Canto do Rio/Outback. A Final da categoria 40+ masculina teve transmissão ao vivo pela CBVTV, e está disponível para ser acessado a qualquer momento no canal CBV Vôlei no YouTube.

    O Campeonato Vôlei Master 2015, é, pelo 12º ano consecutivo, realizando pela Confederação Brasileira de Voleibol (CBV).

    A partir da quarta-feira (18.11), na quadra, é a vez das categorias 35+, 45+ e 55+ do masculino e do feminino. Já na areia, a luta pelo pódio será nas categorias 40+, 50+, 59+ e 63+, em ambos os naipes.
    Para acompanhar a competição da quadra:

    http://voleimaster.cbv.com.br/tabela-quadra.php

    Para acompanhar a competição da praia:

    http://voleimaster.cbv.com.br/tabela-praia.php

  • Líder da tabela, Montes Claros Vôlei recebe São José Vôlei

    Crédito: Rafinha Oliveira/Funvic Taubaté
    Crédito: Rafinha Oliveira/Funvic Taubaté

    Fonte: CBV

    A quarta rodada do turno da Superliga masculina de vôlei 2015/2016 terá início com um bom confronto de opostos canhotos. André Nascimento, campeão olímpico em 2004, do Montes Claros Vôlei (MG), e Lorena, atacante do São José Vôlei (SP), estarão frente a frente nesta quarta-feira (18.11), às 18h15, no ginásio Tancredo Neves, em Montes Claros (MG). A partida terá transmissão ao vivo do canal SporTV.

    A equipe mineira chega com o moral elevado para quarta rodada depois de vencer os paulistas Funvic/Taubaté, Sesi-SP e Brasil Kirin – todos apontados como candidatos ao título – e liderar a tabela de classificação. O São José Vôlei também vem de resultado positivo diante do Bento Vôlei/Isabela (RS), mas tem uma derrota na segunda rodada, para o Voleisul/Paquetá Esportes (RS). Na estreia, bateu o Minas Tênis Clube (MG).

    Para ajudar o seu time a seguir embalado na Superliga 15/16, André Nascimento sabe que o grupo precisará repetir as boas atuações, já que espera encontrar dificuldades diante da equipe do Vale do Paraíba.

    “Esse vai ser mais um jogo duro, mas sabemos que não vai ter jogo fácil nessa Superliga. Nosso time está em uma crescente, com confiança, e temos que entrar com tudo para buscar mais uma vitória. Esperamos um jogo longo, de 3 sets a 2. Eles têm jogadores que já atuaram pelo Montes Claros e que conhecem bem tudo aqui”, disse André Nascimento.

    Um deles é justamente Lorena. O oposto foi vice-campeão da Superliga com o time mineiro na temporada 2009/2010 ao lado do levantador Rodriguinho e do ponteiro Diogo, que também defendem o São José Vôlei atualmente.

    “O time deles está bem e vai jogar em casa, onde a torcida ajuda muito. Mas, por outro lado, também há uma pressão grande, que eu conheço bem, e que não é fácil de administrar. A nossa equipe também está muito bem, o Léo vem fazendo um grande trabalho, e vamos fazer de tudo para ganhar esse jogo contra um time que é nosso adversário direto na classificação. Sabemos que eles ainda não perderam nessa Superliga, mas esperamos que amanhã seja a primeira derrota”, brincou Lorena.

    Bento Vôlei/Isabela x Sada Cruzeiro também nesta quarta

    Outra partida será realizada nesta quarta-feira (18.11). Porém, o confronto entre Bento Vôlei/Isabela (RS) e Sada Cruzeiro (MG) é válida ainda pela primeira rodada da Superliga masculina, já que a equipe mineira estava com compromissos com o Campeonato Mundial de Clubes. A partida será às 20h, no ginásio Municipal, em Bento Gonçalves (RS).

    “O time já está apresentando uma evolução a cada partida da Superliga e esperamos que continue assim até os playoffs. Contra o Bento Vôlei, tenho certeza de que será uma partida difícil. Eles têm um levantador muito bom e um oposto que também se destaca, com grande experiência em Superliga. Teremos muita dificuldade pela frente e precisamos trabalhar bem”, avaliou Marcelo Mendez, técnico do time mineiro.
    Jogos também na sexta, no sábado e no domingo

    A quarta rodada continuará na sexta-feira (20.11), com outros dois jogos, ambos às 20h. O Bento Vôlei Isabela (RS) receberá o Juiz de Fora Vôlei (MG) no ginásio Municipal, em Bento Gonçalves (RS), e o Voleisul/Paquetá Esportes (RS) jogará em casa, no Ginástica, em Novo Hamburgo (RS), contra o atual campeão, Sada Cruzeiro (MG).

    No sábado (21.11), serão disputadas outras duas partidas. Às 10h30, o Copel Telecom Maringá Vôlei (PR) terá o Sesi-SP como adversário na partida que acontecerá às 10h30, no ginásio Chico Neto, em Maringá (PR), com transmissão do SporTV. E O Funvic/Taubaté (SP) irá enfrentar o Minas Tênis Clube (MG), às 14h45, no ginásio do Abaeté, em Taubaté (SP), com transmissão ao vivo da RedeTV.

    E, no domingo (22.11), o Lebes/Gedore/Canoas (RS) receberá o Brasil Kirin (SP) no ginásio La Salle, em Canoas (RS), para o confronto que será às 14h, e será transmitido pelo SporTV.

    SUPERLIGA MASCULINA 15/16

    QUARTA RODADA DO TURNO

    18.11 (QUARTA-FEIRA ) – Montes Claros Vôlei (MG) x São José Vôlei (SP), às 18h, no Tancredo Neves, em Montes Claros (MG) – SPORTV
    20.11 (SEXTA-FEIRA) – Bento Vôlei/Isabela (RS) x Juiz de Fora Vôlei (MG), às 20h, no Municipal, em Bento Gonçalves (RS)
    20.11 (SEXTA-FEIRA) – Voleisul/Paquetá Esportes (RS) x Sada Cruzeiro (MG), às 20h, no Ginástica, em Novo Hamburgo (RS)
    21.11 (SÁBADO) – Funvic/Taubaté (SP) x Minas Tênis Clube (MG), às 14h45, no Abaeté, em Taubaté (SP) – RedeTV
    21.11 (SÁBADO) – Copel Telecom Maringá Vôlei x Sesi-SP, às 10h30, no Chico Neto, em Maringá (PR) – SPORTV
    22.11 (DOMINGO) – Lebes/Gedore/Canoas (RS) x Brasil Kirin (SP), às 14h, no La Salle, em Canoas (RS) – SPORTV

  • Equilíbrio total – Veja os outros resultados dessa terça-feira no feminino

    Foto: Marina Beppu / Concilig Vôlei Bauru
    Foto: Marina Beppu / Concilig Vôlei Bauru

    Redação

    A segunda rodada do turno da Superliga feminina de vôlei 15/16 está mostrando até o momento muito equilíbrio. Nesta terça-feira (17.11), o Concilig/Bauru Vôlei e o Rio do Sul/Equibrasil venceram seus jogos, respectivamente, os favoritos Rexona-AdeS e o Sesi-SP. A equipe bauruense passou pelo time carioca por 3 sets a 1 (26×24, 17×25, 25×22 e 27×25), em Bauru. Já o time catarinense superou o time paulista por 3 sets a 2 (25×23, 15×25, 19×25, 25×21 e 15×12), em Rio do Sul.

    Confira os resultados desta terça-feira (17/11):

    Renata Valinhos/Country 0 x 3 Pinheiros (20×25, 17×25 e 24×26)
    Dentil/Praia Clube 3 x 1 Brasília Vôlei (25×18, 27×25, 24×26 e 25×21)
    São Cristóvão Saúde/São Caetano 2 x 3 Camponesa/Minas (17×25, 16×25, 25×21, 25×23 e 12×15)
    Rio do Sul/Equibrasil 3 x 2 Sesi-SP (25×23, 15×25, 19×25, 25×21 e 15×12)
    Vôlei Nestlé 3 x 0 São Bernardo Vôlei (25×19, 25×12 e 25×9)
    Concilig/Vôlei Bauru 3 x 1 Rexona-AdeS (26×24, 17×25, 25×22 e 27×25)

  • Dentil/Praia Clube consegue sua segunda vitória na Superliga

    Foto: Divulgação Praia Clube
    Foto: Divulgação Praia Clube

    Fonte: Cairo Silva – Assessoria de Imprensa

    A equipe Dentil/Praia Clube conquistou mais uma vitória na Superliga Nacional de Vôlei 2015/2016, na noite desta terça-feira, 17 de novembro, contra o time do Terracap/Brasília Vôlei (DF), na Arena Praia, em Uberlândia (MG). Em duas horas de partida, o grupo treinado pelo técnico Ricardo Picinin derrotou as brasilienses por 3 sets a 1, parciais de 25/18, 27/25, 24/26 e 25/21. A ponteira norte-americana Alix Klineman foi a maior pontuadora do Dentil/Praia Clube com 24 acertos.

    A oposta Daymi Ramirez, por sua vez, foi eleita a melhor atleta do confronto e levou para casa o Troféu Viva Vôlei. “Foi um jogo muito complicado. Tivemos muita paciência e precisão nas viradas de bola para chegar aos pontos e, consequentemente, à vitória. Mais uma vez, nosso grupo mostrou força dentro de casa. Agora, vamos descansar um pouco e voltar nosso foco para o E.C. Pinheiros”, conta a cubana. 
     

    A ponteira Michelle Pavão ficou feliz pelos três pontos somados na tabela de classificação. “Acho que foi uma grande partida. Conseguimos os três pontos que são fundamentais em uma competição desse nível. Sabemos que podemos evoluir mais e, com certeza, evoluiremos jogo a jogo”, diz a carioca.

    Para o técnico Ricardo Picinin, a partida foi bastante acirrada. “O Brasília é um time muito rápido e com bastante volume de jogo. Nós já esperávamos um duelo difícil contra eles. Foi um embate parelho e as duas agremiações tiveram estratégias de jogo bem definidas. No todo, conseguimos aplicar de forma eficiente os fundamentos saque e bloqueio para chegarmos ao segundo triunfo na competição”, afirma.
     
    Na próxima sexta-feira, 20 de novembro, às 21h30, o Dentil/Praia Clube encara o E.C. Pinheiros, no ginásio Henrique Villaboim, em São Paulo (SP), pela 3ª rodada do certame nacional. A partida terá transmissão ao vivo do canal SPORTV.

  • Na tranquilidade – Vôlei Nestlé/Osasco vence mais uma na Superliga

    Crédito: João Pires/Fotojump

    Crédito: João Pires/Fotojump

    Redação

    Ainda sem contar com a central Adenízia, que se recupera de um lesão no tendão do pé esquerdo, a equipe do Vôlei Nestlé/Osasco continua invicta na Superliga. A equipe de Osasco derrotou o São Bernardo Vôlei, nesta terça-feira (17), por 3 sets a 0, parciais de 25×19, 25×12 e 25×9, partida realizada no ginásio José Liberatti. O MPV VivaVôlei foi para a levantadora Diana, que substituiu Dani Lins. A maior pontuadora da partida foi a ponteira Carcaces com 16 acertos.

    O técnico Luziomar de Moura, aproveitou o jogo para dar ritmo para outras atletas. “O campeonato é muito longo, vou precisar de todo mundo, ajustar umas linhas de passe, rodar bastante o grupo e o importante é todo mundo colaborar”, comentou o treinador.

    Já a levantadora, Diana, feliz por ser a titular  no jogo, elogiou a equipe do Vôlei Nestlé. “Para eu conseguir esse troféu, tenho que dividir com minhas companheiras, e estou muito feliz de ter entrado para jogar e ajudar a conseguir a vitória, entramos muito concentradas”, comentou a jogadora.

    Aliás, a levantadora fez dois pontos praticamente seguidos com bolas de segunda. “Pois é, é muito difícil levantadora fazer seus pontinhos e consegui dois, é o jeito malandro”, sorri a levantadora.

    Pelo lado do São Bernardo, a decepção ficou por conta da capitã Elisângela, que retornava ao José Liberatti, palco onde ela havia conquistado há pouco dias, o Campeonato Paulista de 2015, defendendo justamente a equipe do Vôlei Nestlé/Osasco. Ao fim do jogo desabafou: “É difícil falar, a equipe jogou muito abaixo mesmo, sabíamos que eram adversárias difíceis, são favoritas ao título, acho que faltou a nossa atitude”, concluiu a capitã.

    O próximo do Vôlei Nestlé/Osasco será contra o São Cristóvão Saúde/São Caetano, na terça-feira (24), às 21h, com transmissão do SporTV, novamente no José Liberatti em Osasco.

    Já a equipe do São Bernardo Vôlei vai a Bauru enfrentar a equipe do Concilig/Bauru na mesma terça-feira (24) às 19h30

    Equipes:

    Vôlei Nestlé/Osasco: Diana, Van Hecke, Thaisa, Saraelen, Suelle, Carcaces e a líbero Camila Brait. Entraram: Dani Lins, Marjorie, Ivna e a líbero Dani Terra. Técnico: Luizomar de Moura.

    São Bernardo: Mari Nardi, Elisângela, Renatinha, Carla Reginato, Milka, Carla e a líbero Teny. Entraram: Stephanie, Juliana, Flávia, Carla, Dalila e Grazi. Técnico: William Carvalho.

  • Funvic/Taubaté lança uniforme oficial da Superliga

    Fonte: Tuddo Comunicação

    Acontece amanhã (18 de novembro), no ViaVale Garden Shopping, a partir das 19h30, o lançamento do mascote oficial da Funvic/Taubaté. Além disso, será apresentado aos torcedores o uniforme oficial da equipe para a Superliga 2015/2016.

    Após a apresentação, todos os atletas farão uma sessão de autógrafos com os torcedores. O encerramento está marcado para as 21 horas.

    Durante o lançamento acontecerá a troca de ingressos para o jogo do próximo sábado (21), entre Funvic/Taubaté e Minas Tênis Clube. Os ingressos poderão ser retirados em frente à loja Loucos por Esporte. Caso sobre bilhete, os torcedores poderão retira-los na quinta-feira (19) no ViaVale Garden Shopping e também na Secretaria de Esporte e Lazer.

    Só lembrando que serão disponibilizados 1000 (mil) ingressos e para fazer a troca, o torcedor deve levar o CPF, cada número de CPF dará direito até 02 ingressos (titular do CPF deverá estar presente); e mais um quilo de alimento (exceto sal e açúcar) não perecível para cada ingresso trocado. Crianças de até 04 anos não precisam do bilhete. Não haverá troca na hora do jogo.

    A partida entre Funvic/Taubaté e Minas Tênis Clube acontece no sábado (21), às 14 horas, no ginásio do Abaeté, em Taubaté.

  • Chegou a hora – Foco total no dia decisivo para os participantes do Vôlei Master

    Divulgação CBV
    Divulgação CBV

    Fonte: CBV

    Chega no dia decisivo a primeira etapa do Campeonato Vôlei Master 2015, disputado em Saquarema no Centro de Desenvolvimento de Voleibol. A competição organizada pela Confederação Brasileira de Voleibol está em sua 12ª edição e neste ano reuniu mais de 2.100 atletas. No feminino, a categoria 40+ atraiu o maior número de equipes (21). A CBV está transmitindo ao vivo o Campeonato Master através da sua webtv, a CBVTV, com equipe completa de narração, reportagens, comentarista, produção e edição de imagens.

    categoria 63/70+ feminino

    As grandes damas do voleibol master competem na categoria 63/70+, numa fusão das categorias 63+ e 70+ para que a competição acontecesse. Com quatro equipes, apenas o Clube Militar do Rio de Janeiro se inscreveu na categoria 70+, mas disputou a 63+ junto com Fluminense (RJ) e as mineiras do Alexandre Vôlei e Uai Brasil.

    Ao final da fase classificatória, as mineiras do Uai Brasil tiveram a melhor campanha. Em segundo aparece o Fluminense, depois o Alexandre Vôlei (MG) e o Clube Militar (RJ).

    Nesta terça-feira (17.11), último dia de competição, haverão as semifinais, entre Uai Brasil (MG) e Clube Militar (RJ), e na outra, Fluminense (RJ) e Alexandre Vôlei (MG). Os vencedores disputam o título e o jogo será transmitido ao vivo pela CBVTV.

    categoria 59+ feminino

    As mineiras estão dominando a categoria 59+ feminina. Das quatro equipes  inscritas duas são de Minas Gerais, e as duas aparecem nas primeiras colocações depois de seis rodadas classificatórias. Uai Brasil (MG) em primeiro, Alexandre Vôlei (MG) em segundo, Vôlei Vitória (ES) em terceiro e o VM-CE Miécimo da Silva (RJ) na quarta colocação, encerraram a fase classificatória depois de cada equipe fazer seis jogos.

    Nesta terça-feira (17.11), último dia de competição, haverão as semifinais, entre Uai Brasil (MG) e VM-CE Miécimo da Silva (RJ), e na outra, Vôlei Vitória (ES) e Alexandre Vôlei (MG). Os vencedores disputam o título.

     

    categoria 50+ feminino

    Das 16 equipes que iniciaram o dia com chances de título, apenas quatro continuam vivas na competição.

    Ainda pelas oitavas de finais, todos os jogos terminaram com placar final de 2 sets a 0. O Flamengo  venceu o Voleibom/Boa Bola (RJ), o Alexandre Vôlei (MG) derrotou o Fluminense (RJ). A equipe paulista do Primo Rossi venceu o Vôlei Vitória (ES), e as Filhas do Oxum (BA) superaram a Fokos Master Caxias (RS). Quem também se deu bem foi Iate/AABB Brasília que venceu o Goiás Vôleia (GO) no duelo do planalto central. A AABB Brasília (DF) superou a Associação Teresopolitana (RJ), a AABB Belo Horizonte (MG) passou pela MV Barra do Garças (MT) e o Clube Curitibano venceu o Bola Mania (MG).

    Já nos jogos das quartas de finais, o Flamengo  venceu o Alexandre Vôlei (MG). A equipe paulista do Primo Rossi venceu as Filhas do Oxum (BA). Quem também venceu foi o Iate/AABB Brasília que venceu a co-irmã  AABB Brasília (DF). Mas as AABBs não ficaram sem representação, pois a AABB Belo Horizonte (MG) passou pelo Clube Curitibano (PR). Todos os jogos terminaram em 2 sets a 0.

    Nas semifinais disputadas nesta terça-feira (17.11), o Flamengo joga contra o Primo Rossi e o Iate/AABB Brasília enfrenta a AABB Belo Horizonte. Quem vencer disputa o título às 12h30.

    Nesta segunda-feira (16.11) acontecem os cruzamentos das oitavas de finais pela manhã. No período da tarde os vencedores voltam à quadra para os jogos das quartas de finais. Quem vencer, vai para a semifinal que antecede às finais na terça-feira (17.11).

    categoria 40+ feminino

    A categoria com o maior número de participantes da primeira etapa (21 equipes), a categoria atrai as melhores equipes do voleibol master do Brasil. São equipes de 11 estados e uma do Peru.

    Nos confrontos das oitavas de finais, a AABB do Rio de Janeiro venceu o Clube de Regatas Lima (PER), o Iate/AABB Brasília (DF) venceu a AA Light (RJ), o Círculo Militar do Paraná passou pelo Vila Velha Vôlei. O Colégio Notre Dame (RJ) superou o Comary CDM (RJ), as meninas do Canto do Rio (RJ) derrotaram o Petrovolei (RJ), o Fluminense (RJ) venceu o MV Barra do Garças (MT) e o Amigos do Vôlei (MS) venceu Mogi e Amigas (SP). No único confronto decidido no terceiro set, a Equipe Sul (RS) venceu o BNB Clube (CE) por 2 sets a 1.

    Já em partidas válidas pelas quartas de finais, a AABB do Rio de Janeiro venceu a Equipe Sul (RS), o Iate/AABB Brasília (DF) foi derrotado no tie-break pelo Círculo Militar do Paraná. As meninas do Canto do Rio (RJ) derrotaram o Colégio Notre Dame (RJ) o Fluminense (RJ) foi derrotado pela equipe Amigos do Vôlei (MS).

    Nesta terça-feira (17.11) as semifinais antecedem as decisões do título e da medalha de bronze. Nas semifinais, AABB Rio (RJ) enfrenta o Círculo Militar do Paraná (PR), enquanto o Canto do Rio (RJ) joga contra a equipe Amigos do Vôlei (MS). Os vencedores fazem a decisão do título às 11h20min com transmissão ao vivo pela CBVTV.

    O Campeonato Vôlei Master 2015, é, pelo 12º ano consecutivo, realizando pela Confederação Brasileira de Voleibol (CBV).

    A partir da quarta-feira (18.11), na quadra, é a vez das categorias 35+, 45+ e 55+ do masculino e do feminino. Já na areia, a luta pelo pódio será nas categorias 40+, 50+, 59+ e 63+, em ambos os naipes.
    Para acompanhar a competição da quadra:

    http://voleimaster.cbv.com.br/tabela-quadra.php

    Para acompanhar a competição da praia:

    http://voleimaster.cbv.com.br/tabela-praia.php