• Mundial de clubes masculino: Sada Cruzeiro joga mal e perde na estreia

    Créditos: Divulgação FIVB

    Redação

    O Sada Cruzeiro não estreou bem nesse mundial de clubes. Nesta terça-feira (12.12), a equipe mineira, única representante brasileira na competição, acabou superada pelo campeão italiano Lube Civitanova por 3 sets a 0 (21/25, 16/25 e 18/25), em Opole, na Polônia. 

    O time italiano forçou bastante o saque durante o jogo inteiro, complicando o passe do Sada Cruzeiro e deixando o levantador da equipe mineira, sem soluções para atacar. Com o cubano Juantorena e o búlgaro Sokolov virando tudo e fechando a parede no bloqueio, a equipe brasileira foi presa fácil na estreia do Mundial.

    Tsvetan Sokolov, com 20 pontos, foi o maior pontuador da partida. Pelo lado da equipe mineira, Simón foi quem mais pontou, com 11 pontos. No fim, Serginho e Leal ainda discutiram durante um tempo técnico, já com o Civitanova vencendo por 23 a 18 no terceiro set.

    A equipe do Sada Cruzeiro, no entanto, não tem tempo para lamentar o resultado negativo. A equipe mineira busca a reabilitação nesta quarta-feira (13.12), contra o Sarmayeh Bank, do Irã. Este é o Grupo A do Mundial de Clubes, que ainda conta com o Zakza, da Polônia, que será o adversário do Sada Cruzeiro na terceira partida da fase classificatória, na quinta-feira (14.12). 

    TABELA

    12.12 (terça-feira) – Sada Cruzeiro 0 x 3 Lube Civitanova (ITA) (21/25, 16/25 e 18/25)
    13.12 (quarta-feira) – Sada Cruzeiro x Sarmayeh Bank (IRI), às 17h30
    14.12 (quinta-feira) – Sada Cruzeiro x Zaksa Kedzierzyn-Kozle (POL), às 14h30
    16.12 (sábado) – Semifinais
    17.12 (domingo) – Final

  • Peneira do masculino em São Caetano do Sul

    Divulgação

    Fonte: FPV

    No dia 16 de dezembro acontecerá a peneira de voleibol masculino de São Caetano. A seletiva será no Ginásio Leandro Klein, à Rua Prestes Maia, 100, esquina com Avenida Tietê. Os interessados deverão comparecer com RG original e roupa para treinamento.

    A programação é a seguinte:

    9h – Sub 14 (2005+) – Iniciante e Pré-Mirim
    10h – Sub 15 (2004) – Mirim
    11h – Sub 17 (2002/2003) – Infantil
    14h – Sub 19 (2000/2001) – Infanto

  • Superliga feminina: Vôlei Nestlé encerra primeiro turno como líder das estatísticas

    Tandara é a maior pontuadora da Superliga
    (João Pires/Fotojump)

    Fonte: ZDL – Rafael De Marco

    O Vôlei Nestlé domina a estatística da Superliga 2017/18. Encerrado o primeiro turno da competição, a Confederação Brasileira de Vôlei (CBV) fechou os números e a equipe de Osasco apresenta desempenho positivo. Tem três atletas no Time do Sonho, a seleção do campeonato, e lidera em quatro dos oito fundamentos individuais avaliados. Fora de quadra, a torcida também é destaque, sendo do ginásio José Liberatti o maior público registrado até agora.

    Segundo a estatística, Tandara é a atleta com melhor desempenho individual da Superliga. Segue como a maior pontuadora no geral e também na porcentagem das parciais (231 pontos no total e 5,02 por set). Também é a sacadora mais ‘mortal’, com 17 aces (nesse fundamento Nadja Ninkovic está em quarto, com 13 pontos no total, e em terceiro no aproveitamento por set, com 0,38).

    A central Bia encabeça a lista das mais eficientes no bloqueio. Seu ‘paredão’ é responsável por 51 pontos para o Vôlei Nestlé no primeiro turno da Superliga. Outra atleta de Osasco líder em estatísticas é a líbero Tássia, com a recepção mais eficiente, com 71% de aproveitamento no passe.

    No Time do Sonho do campeonato, o Vôlei Nestlé continua com maioria nas selecionadas entre as melhores da Superliga, com Tandara, Bia e Nadja Ninkovic se mantendo na lista. “Sigo em busca da excelência em quadra. Treino muito para diminuir o número de erros e ser cada  vez mais eficiente para que o desempenho individual ajude no nosso desempenho coletivo e se reverta em vitórias para o Vôlei Nestlé”, completa Tandara, que embora figure da seleção do primeiro turno como ponteira, tem atuado como oposta nas duas últimas rodadas.

    Show na arquibancada Se em quadra as atletas fazem bonito, na arquibancada não tem sido diferente. Conhecida por seu apoio incondicional ao time, a torcida do Vôlei Nestlé é responsável pelo maior público em uma partida do primeiro turno da Superliga 2017/18. O José Liberatti recebeu 3.800 pessoas no confronto com o Camponesa/Minas (MG), dia 18 de novembro. Não é pouca coisa, se levar em conta que a presença média nos ginásio foi de 1.076 pessoas (os 66 jogos disputados até agora têm público acumulado de 71.041 espectadores).

    “A torcida de Osasco é muito importante para o nosso projeto. Sou muito grato por poder contar com essa energia nos nossos jogos. São eles que demostram o tamanho do Vôlei Nestlé. Só tenho agradecimento aos nossos torcedores”, afirma o técnico Luizomar de Moura.

  • Superliga masculina: Minas recebe Ponta Grossa Caramuru no encerramento da rodada

    Créditos: Orlando Bento/MTC

    Redação

    A décima rodada do turno da Superliga masculina de vôlei 2017/2018 já teve cinco jogos realizados e o último acontecerá nesta quarta-feira (13.12) entre Minas Tênis Clube e Ponta Grossa Caramuru. O encerramento da rodada será às 20h, na Arena Minas, em Belo Horizonte, e terá transmissão ao vivo do SporTV.

    O time mineiro é o sexto colocado na tabela de classificação da Superliga masculina. Depois de nove jogos, o grupo dirigido pelo técnico Nery Tambeiro venceu cinco jogos, perdeu quatro e somou 15 pontos. Já a equipe paranaense ocupa a nona colocação, com oito pontos após dois resultados positivos e sete negativos.

    Parte do time comandado pelo técnico Nery Tambeiro teve um período de 10 dias de preparação para o jogo, enquanto os garotos com idade Sub-21 disputaram o Brasileiro Interclubes, no Rio de Janeiro, até esse domingo. O ponteiro Henrique Honorato, os opostos Davy Silva e Felipe Roque, o central Pingo, o líbero Maique, o assistente-técnico Guilherme Ferreira, que comandou o time Sub-21, e o estatístico Marcelo Melado foram campeões do campeonato de categoria. Para o jogo desta quarta-feira, Nery Tambeiro terá o time completo à sua disposição.

    “Estamos bem preparados e bem focados para o jogo de amanhã. O Nery sempre nos passa que o jogo mais importante é o próximo, independentemente do adversário. O nosso objetivo é manter o nosso padrão de jogo, fazer o que estamos treinando. Ter um sistema defensivo bem forte e, nos momentos decisivos, conseguir virar as bolas importantes. Se alcançarmos isso e contarmos com a força do nosso grupo, acredito que temos chances de vencer a partida”, afirmou Henrique Honorato.

    A décima rodada também teve jogo antecipado devido a participação do Sada Cruzeiro no Mundial de Clubes. Na ocasião, o time mineiro venceu o Sesi-SP por 3 sets a 1. Nos outros jogos, o Montes Claros Vôlei venceu o Copel Copel Telecom Maringá Vôlei por 3 a 0; o Lebes Canoas bateu o JF Vôlei por 3 a 1; o Sesc RJ levou a melhor sobre o Vôlei Renata por 3 a 1, e o EMS Taubaté Funvic venceu o Corinthians-Guarulhos por 3 sets a 0.

  • Copa do Brasil: Vôlei Nestlé enfrenta Hinode Barueri nesta sexta-feira (15)

    Mari Paraíba no passe      (João Neto/Fotojump)

    Fonte: ZDL – Rafael De Marco

    Com o final do primeiro turno da Superliga, as atenções do Vôlei Nestlé se voltam para a Copa do Brasil. Tandara, Bia e cia. lutarão por uma das quatro vagas na fase decisiva contra o Hinode Barueri na próxima sexta-feira (15), a partir das 19h30, no ginásio José Liberatti. As finais da competição serão dias 18 e 19 de janeiro de 2018, na cidade de Lages, Santa Catarina. Campeão 2008 e 2014, o time de Osasco busca o tricampeonato.

    Em terceiro lugar na Superliga, a equipe de Osasco vai enfrentar o Hinode, porque o time de Barueri terminou o primeiro turno na sexta colocação. Para as atletas do Vôlei Nestlé, será a oportunidade de lutar por mais um título. “A Copa do Brasil é uma competição importante dentro do calendário nacional e vamos com tudo em busca da classificação para as finais. Jogar em casa é sempre uma vantagem para nós, pois a torcida empurra o time todo o tempo, sempre nos incentivando e fazendo a diferença aqui no Liberatti”, avalia a ponteira Mari Paraíba.

    Assim como na decisão do Campeonato Paulista deste ano, Vôlei Nestlé e Hinode terão ‘rodada dupla’ em competições diferentes. Após vencer o time de Barueri no Golden Set e conquistar o hexacampeonato estadual dia 13 de outubro, a equipe de Osasco voltou a enfrentar o mesmo adversário quatro dias depois, na estreia da Superliga 2017/18 (vencendo por 3 sets a 1). Agora, os dois clubes duelam pela Copa do Brasil nesta sexta-feira no Liberatti, para voltar ao mesmo ginásio na terça-feira (19), para a abertura do segundo turno da Superliga.

    Bicampeão – Criado em 2007 pela Confederação Brasileira de Vôlei (CBV), a Copa do Brasil teve seis edições até hoje. Osasco venceu duas. Em 2008, com patrocínio do Finasa, derrotou São Caetano/Blausiegel por 3 a 2, com parciais de 25/21, 18/25, 25/21, 19/25 e 15/12, em 2h03 de uma emocionante final, no Ginásio do Círculo Militar do Paraná, em Curitiba. Em 2014, com patrocínio da Nestlé e adotando o nome Molico, ganhou o segundo tíitulo da competição ao bater o Sesi por 3 a 1, parciais de (21/19, 21/16, 22/24 e 21/17), no Ginásio Chico Neto, em Maringá, novamente no Paraná.

    Todos os confrontos – A quarta edição da Copa Brasil 2018 será disputada pelas oito melhores equipes do primeiro turno da Superliga 2017/2018. Além de Vôlei Nestlé/Osasco x Hinode Barueri, os confrontos da fase classificatória são: Dentil Praia Clube x São Cristóvão Saúde/São Caetano, em Uberlândia (MG), Sesc/RJ x Pinheiros, no Rio de Janeiro (RJ), e Camponesa/Minas x Fluminense, em Belo Horizonte (MG).

  • Superliga masculina: Com novo ponteiro, Copel Telecom Maringá encara o Vôlei Renata

    Crédito: Rodrigo Araújo/Maringá Vôlei

    Fonte: Resenha Comunicação

    O Copel Telecom Maringá Vôlei vai enfrentar nesta quinta-feira (14/12), em Campinas, o Vôlei Renata. A partida, às 19h30, no ginásio do Taquaral e com transmissão ao vivo pelo canal SporTV, é válida pela 11ª rodada da Superliga Masculina 2017/18. A equipe ganhou um reforço para prosseguir na competição, o ponteiro Bruno Godoy.

    O técnico Renato Lúcio, o “Banana”, diz que uma vitória em Campinas é importantíssima para recuperação da equipe no campeonato e dar mais confiança aos atletas. O time voltou a treinar forte na última segunda-feira e viaja para o interior de São Paulo nesta quarta-feira.

    “A gente sofreu bastante no último jogo. Não esperávamos uma derrota em casa e acredito que o principal conseguimos fazer, que foi descansar. Começamos a semana com o foco em Campinas e depois no Sesi. Campinas é o foco do momento para a podermos reverter o quadro com uma vitória, o que também vai trazer mais confiança para a equipe”, disse o técnico.

    Bruno Godoy, que estava jogando no Líbano, começou a treinar com a equipe na segunda-feira e vai entrar em quadra contra o Vôlei Renata. Em 2015, o ponteiro de 30 anos disputou a Superliga pelo VoleiSul e teve passagens pelo voleibol europeu. “A expectativa é a melhor possível, de ajudar o time. Cheguei para trazer um pouco de alegria, de positividade e espero poder auxiliar a equipe”, comentou Bruno.

    O levantador Ricardinho disse que, apesar da situação difícil na competição, a torcida continua acreditando no time. “Estamos com foco total na equipe. Um momento bem particular. Os torcedores acreditam na gente. Já rodei o Brasil e o mundo e sei que a nossa torcida é incrível. Estamos na quinta temporada em Maringá e, independente dos resultados, a recepção é carinhosa. Sou agradecido pela torcida. Peço que continuem abraçando a equipe”, afirmou.

    O projeto social, o Núcelo Vôlei Ricardinho, foi inaugurado em maio deste ano e atende cerca de 300 crianças e adolescentes. “A vontade de montar o projeto, de ficar em Maringá, é pelo amor do maringaense ao vôlei. A receptividade e apoio da nossa torcida tem sido fundamental.”

    Depois de Campinas, o Copel Telecom Maringá Vôlei tem o Sesi pela frente, no próximo dia 21, às 19h, no ginásio da Vila Leopoldina, em São Paulo. É o início do returno na Superliga. A equipe maringaense volta a jogar diante de sua torcida, no ginásio Chico Neto, em 13 de janeiro, às 18h30, contra o EMS Taubaté Funvic.

  • IV CPVP: Guarujá com 32 duplas

    Crédito: Gipy Duarte/FPV

    Fonte: MBraga Comunicação

    A terceira etapa do IV Circuito Paulista de Vôlei de Praia acontecerá neste final de semana, de 15 a 17 de dezembro, na Praia da Enseada, no Guarujá. Serão 32 duplas, sendo 20 no masculino e 12 no feminino, brigando pelo título do torneio e os pontos no ranking da competição criada pela Federação Paulista de Volleyball.  A disputa reunirá algumas das melhores duplas do estado, no masculino e feminino, e a programação começará na sexta-feira, com o  Torneio de Qualificação masculino. As chaves principais serão no sábado e domingo, com entrada franca.

    Com o término das inscrições, a chave do masculino definiu suas oito duplas pré-classificadas pelo ranking, Matheus Brito/Ale Leite, Luccas Lima/Guto, Fábio Toro/Bruno Malta, Carlão/Xuxo, Eduardo Borges/Tiago Castilhos, Luiz Justo/Gustavo, Cássio/Isac e João Martins/Társio, bem como a dupla que recebeu o convite (Wild Card) da organização, Rodrigão/Georges. Estas aguardarão as sete duplas que sairão do Torneio de Qualificação. Já no feminino, 12 duplas  disputarão direto a chave principal.

    A programação da etapa de Guarujá será a seguinte:  15/12 (sexta-feira) – Jogos do Torneio Qualifying, a partir das 12h30, e Congresso Técnico do Torneio Principal, a partir das 19h; 16 e 17/12 (sábado e domingo) – Torneio Principal, masculino  e feminino (previsão de encerramento às 13h30).

  • Atletas do MonteCristo iniciam processo de coaching

    Créditos: Divulgação MonteCristo

    Fonte: Cejane Pupulin – MAC Jornalismo

    O MonteCristo já montou uma nova equipe, que pode sofrer alguns ajustes,  e começou os treinos para a Superliga B, que inicia em 20 de janeiro. Conhecer a si mesmo, os colegas e lidar com pressões, derrotas, contusões, desgaste físico e psicológico, superação de limites, quebra de obstáculos, rivalidade e tantas outras dificuldades e desafios faz parte do dia a dia de todo atleta. E para aprimorar o desenvolvimento pessoal e aumentar o equilíbrio emocional, jogadores e a equipe técnica do MonteCristo iniciam o coaching em grupo.

    Uma vez por semana, atletas e comissão participarão de uma sessão com a máster coaching Zeilene de Paula, diretora e proprietária da Up Life Instituto de Desenvolvimento. “Um dos nossos objetivos é gerar conscientização da responsabilidade de tipo de vida e dos resultados em cada um”, pontua Paula. Após cada sessão, que dura aproximadamente duas horas, há um processo de feedback.

    O treinador prepara a equipe taticamente para os jogos. Já o coach esportivo desenvolve aspectos relacionados ao desenvolvimento pessoal, profissional, emocional, social, físico e intelectual dos atletas e da equipe utilizando uma metodologia que engloba diversas áreas do conhecimento.

    O coaching é uma das ferramentas mais eficazes para orientar e conduzir os atletas e outras pessoas que atuam em um ramo tão competitivo. O principal benefício desse método é que ele ajuda os clientes a saber lidar de forma positiva com as vitórias e derrotas, sem deixar que isso interfira em seu desempenho.

  • Superliga feminina: Vôlei Bauru é superado pelo São Caetano

    Créditos: Neide Carlos/Vôlei Bauru

    Fonte: Marcelo Ferrazoli – Assessoria Vôlei Bauru

    O Vôlei Bauru foi superado pelo São Cristóvão Saúde/São Caetano por 3 sets a 2 (parciais de 25/22, 17/25, 22/25, 25/23 e 13/15) no domingo, (10/12), no Ginásio Panela de Pressão, em duelo válido pela décima-primeira e última rodada do primeiro turno da Superliga 2017/2018. Com o resultado, o time bauruense terminou a primeira fase com 13 pontos obtidos após três vitórias e oito derrotas, fora do grupo das oito melhores equipes que se classificam às quartas de final e também sem a vaga para disputar a Copa Brasil 2018, que ficou com o São Caetano para enfrentar o Dentil/Praia Clube, em Uberlândia.

    Agora o time bauruense inicia a preparação para fazer nova partida em seus domínios – a quarta consecutiva – válida pela primeira rodada do segundo turno da Superliga 2017/2018. O adversário será o Pinheiros, em 19 de dezembro, às 19h30, no Ginásio Panela de Pressão. O Vôlei Bauru só voltará a fazer uma partida fora de seus domínios diante do Fluminense em 22 de dezembro, às 20h, no Ginásio da Hebraica, no Rio de Janeiro.

    Nesta data será realizada a última rodada deste ano da Superliga 2017/2018, que entrará em recesso para a realização das festividades de Natal e Ano Novo e retorna com a terceira rodada do segundo turno em 9 de janeiro de 2018, quando o Vôlei Bauru enfrentará o BRB/Brasília Vôlei, no Ginásio Panela de Pressão, às 19h30.

  • Superliga masculina: EMS Taubaté Funvic vence Corinthians-Guarulhos

    Créditos: Rafinha Oliveira/EMS Taubaté Funvic

    Redação

    O EMS Taubaté Funvic reviveu a final do Campeonato Paulista ao enfrentar o Corinthians-Guarulhos na noite deste sábado (09.12) e conseguiu o mesmo resultado. A equipe do Vale do Paraíba venceu por 3 sets a 0 (25/17, 25/23 e 25/22) mesmo atuando na casa do adversário, no ginásio da Ponte Grande, em Guarulhos, em partida foi válida pela décima rodada do turno da Superliga masculina de vôlei 2017/2018. 

    O oposto Wallace recebeu o maior número de votos no site da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) e, por isso, foi eleito o melhor atleta do jogo e premiado com o Troféu VivaVôlei. Wallace também foi o maior pontuador do confronto, com 14 acertos. Após a partida, o atacante comemorou o resultado conquistado nesta noite e comentou sobre a ausência do ponteiro Lucarelli, que está fora com uma lesão no tendão.

    “Sabemos que o Lucarelli é uma peça importante, mas somos realmente um time. Não dependemos só dele, ou só de mim, nem de nenhum jogador que seja sempre titular. Isso mostra a força do grupo e a qualidade do Ivovic, que está voltando de lesão e a cada jogo que passa está melhor. Isso vai nos ajudar bastante lá na frente. Isso é um grupo”, afirmou Wallace.

    O oposto do EMS Taubaté Funvic ainda chamou atenção para um ponto que precisa ser corrigido na sua equipe. “O caminho é esse, mas ainda temos alguns erros que não podemos cometer durante o jogo. São erros que podem nos fazer perder sets, partidas e pontos importantes”, comentou Wallace.

    Outros destaques da partida ficaram por conta dos centrais Sidão, do Corinthians-Guarulhos, e Otávio, do EMS Taubaté Funvic, que marcaram 12 vezes cada um. Sidão pontuou 11 vezes no ataque e uma no bloqueio, enquanto Otávio marcou oito vezes no ataque, três no bloqueio e um no saque.

    Pelo Corinthians-Guarulhos, o oposto Rivaldo fez questão de elogiar o adversário. “A equipe deles fez um excelente jogo. E, por outro lado, provavelmente essa foi nossa pior apresentação até o momento. Eles conseguiram nos neutralizar bem e nós não conseguimos sair das armadilhas que eles nos colocaram, mas vamos seguir em frente, nos preparando para a próxima”, disse o capitão do time corintiano.

    E a próxima partida do Corinthians-Guarulhos será no sábado (14.12), quando irá a Juiz de Fora enfrentar o JF Vôlei às 21h45, com transmissão ao vivo dos canais SporTV. Já o EMS Taubaté Funvic folgará na 11ª rodada do turno por ter jogado contra o Sada Cruzeiro em partida antecipada devido a participação do time mineiro no Campeonato Mundial de Clubes. No dia 1º de novembro, o time de Taubaté venceu por 3 sets a 2.

    A décima rodada também teve jogo antecipado, quando o time mineiro venceu o Sesi-SP por 3 sets a 1. O Mundial terá início na próxima terça-feira (12.12).