• Copa do Brasil feminina: Vôlei Osasco-Audax enfrenta o Barueri na terça-feira (22) por vaga nas finais

    Equipe de Osasco
    (João Pires / Fotojump)

    Fonte: ZDL – Rafael De Marco

    O Vôlei Osasco-Audax inicia a luta pelo tetracampeonato da Copa Brasil na próxima terça-feira (22/01), às 19h30, no ginásio José Correa, contra o Hinode Barueri. Campeão em 2008, 2014 e 2018, o tradicional time comandado pelo técnico Luizomar busca a vitória e a classificação para a fase final, que será disputada no ginásio Perinão, em Gramado, Rio Grande do Sul, nos dias 1 e 2 de fevereiro.

    Os times de Osasco e Barueri reeditam a partida das quartas de final da temporada passada. Na quadra do José Liberatti, as donas da casa venceram por 3 sets a 0, com parciais de 25/15, 25/20 e 25/15, em 1h21min, e carimbaram a passagem para a semifinal. Na cidade de Lages, Santa Catarina, as comandadas de Luizomar bateram o Sesc/RJ e depois o Dentil/Praia Clube, na decisão, para levantar o título.

    Na próxima terça-feira, o Vôlei Osasco-Audax terá pela frente um adversário cuja rivalidade é recente e intensa no estado de São Paulo, mas da qual tem saído vitorioso em quadra. Nesta temporada, lutaram por uma vaga na decisão do Campeonato Paulista, com vitória em dois jogos a favor das comandadas do técnico Luizomar. No primeiro turno da Superliga, novo triunfo, na casa do adversário, por 3 sets a 2.

    Em 2017, com o José Liberatti completamente lotado no dia 13 de agosto, a equipe osasquense venceu o Golden Set e levantou o hexacampeonato estadual diante do mesmo adversário. Osasco bateu o Hinode em mais quatro oportunidades na Superliga 2017/18, sempre pelo placar de 3 sets a 1. Foram dois resultados positivos na fase de classificação e mais dois nas quartas de final.

    A Confederação Brasileira de Vôlei (CBV) divulgou nesta quarta-feira (16/01) os confrontos das quartas de final. Todos serão disputados na próxima terça-feira. De acordo com a classificação da Superliga Cimed, os confrontos ficaram assim: Dentil/Praia Clube (MG) x Curitiba Vôlei (PR), Minas Tênis Clube (MG) x Fluminense (RJ) e Sesi Vôlei Bauru (SP) x Sesc RJ, além de Hinode Barueri x Vôlei Osasco-Audax.

  • Copa do Brasil masculina: Fiat/Minas supera o Sesc RJ, fora de casa, e está na semifinal

    Créditos: Gisa Alves

    Redação

    Um jogo de tirar o fôlego, e um poder de reação que merece destaque. Após duas viradas no placar, o Fiat/Minas conseguiu superar o forte Sesc-RJ e está na semifinal da Copa Brasil. O placar do duelo, realizado na noite dessa quarta-feira, (16/01), na Arena Junesse, no Rio de Janeiro (RJ), foi de 3 sets a 2 para os mineiros, com parciais de 20/25, 25/22, 22/25, 25/18 e 15/11.

    O oposto Felipe Roque, do Minas, que entrou durante a partida, foi o maior pontuador do seu time, com 25 acertos. O oposto do time carioca, Wallace, no entanto, foi quem mais pontuou na partida, com o total de 28.

    O cruzamento no dia 26 deste mês, pela semifinal será, então, entre Fiat/Minas e EMS Taubaté Funvic, que se enfrentarão às 19h, e entre Sada Cruzeiro e Copel Telecom Maringá Vôlei, que irão duelar às 21h. Os vencedores se enfrentarão na grande decisão, no dia 27, às 19h30 – todos os jogos acontecerão no ginásio Jonas Minosso e serão transmitidos pelo SporTV 2.

  • Vôlei de praia: Confirmada a lista de duplas inscritas para a etapa de São Luís

    Primeira etapa do ano será em São Luís
    (Créditos: William Lucas/Inovafoto/CBV)

    Redação

    A lista de duplas inscritas para a primeira etapa de 2019 do Circuito Brasileiro Open de vôlei de praia, que ocorre em São Luís (MA), de 23 a 27 de janeiro, já está definida. A competição nacional começou em 2018 e esta será a quarta de sete paradas. O torneio terá a presença de diversos medalhistas olímpicos e campeões mundiais, com entrada gratuita ao público maranhense na arena montada na Lagoa do Jansen, altura do condomínio Reserva da Lagoa.

    Os 16 times mais bem colocados no ranking de entradas em cada gênero já estão garantidos na fase de grupos. Outras oito vagas permanecem ‘abertas’ e serão decididas no torneio qualifying, na quarta (masculino) e quinta-feira (feminino), completando o total de 24 times em cada gênero.

    A sergipana Duda, campeã do Circuito Mundial e eleita a melhor jogadora do mundo em 2018, comentou a expectativa para a disputa da etapa de São Luís (MA), em ano decisivo para a classificação aos Jogos Olímpicos. “É a primeira etapa do ano, estão todos empolgados, treinando muito. Os times sempre querem voltar bem, nós desejamos fazer um ano melhor até do que tivemos em 2018. Que seja um ano muito bom, e que nessa primeira etapa a nossa dupla consiga colocar em prática tudo que treinou nesta pré-temporada, desde o dia 4 de janeiro”, analisou Duda.

    Os campeões olímpicos Alison (ES), Bruno Schmidt (DF) e Ricardo (BA), e as medalhistas olímpicas Ágatha (PR), Bárbara Seixas (RJ) e Juliana (CE) estão na lista já garantida na fase de grupos. Já o medalhista olímpico Márcio Araújo (CE) disputa o qualifying.

    No masculino, os 16 times garantidos pelo ranking de entradas são Pedro Solberg/Bruno Schmidt (RJ/DF), Alison/André Stein (ES), Evandro/Vitor Felipe (RJ/PB), Guto/Saymon (RJ/MS), Thiago/George (SC/PB), Eduardo Davi/Adrielson (PR), Hevaldo/Arthur Lanci (CE), Léo Vieira/Jô (DF/PB), Averaldo/Bruno (TO/AM), Oscar/Luciano (RJ/ES), Harley/Jeremy (DF/EUA), Ricardo/Álvaro Filho (BA/PB), Ramon Gomes/Fernandão (RJ/ES), Luccas Lima/Bernardo Lima (SP/CE), Moisés/Vinícius (BA/ES) e Jefferson/Anderson Melo (CE/RJ).

    No feminino, já estão garantidas pelo ranking as duplas Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE), Fernanda Berti/Bárbara Seixas (RJ), Ágatha/Duda (PR/SE), Carol Solberg/Maria Elisa (RJ), Tainá/Victoria (SE/MS), Talita/Taiana (AL/CE), Juliana/Andressa (CE/PB), Josi/Neide (SC/AL), Carolina Horta/Ângela (CE/DF), Vivian/Vitoria (PA/RJ), Val/Érica Freitas (RJ/MG), Izabel/Thati (PA/PB), Aline/Juliana Simões (SC/PR), Naiana/Diana (CE/RJ), Flávia/Bárbara Ferreira (RJ) e Sandressa/Rosimeire Lima (AL).

    As partidas também serão transmitidas ao vivo pelo Facebook da Confederação Brasileira de Vôlei (CBV), a partir de quinta-feira. Já as disputas de medalha dos dois naipes, no sábado (26/01) e domingo (27/01), serão exibidas ao vivo exclusivamente pelos canais SporTV.

    Na primeira etapa da temporada, disputada em setembro de 2018, em Palmas (TO), Hevaldo/Arthur Lanci (CE/PR) e Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) ficaram com a medalha de ouro. Já na segunda parada, disputada no mês de outubro, em Vila Velha (ES), títulos para Guto/Saymon (RJ/MS) e Fernanda Berti/Bárbara Seixas (RJ). Em Campo Grande (MS), em novembro, ouro de Pedro Solberg/Bruno Schmidt (RJ/DF) e Ágatha/Duda (PR/SE).

    Além das duplas campeãs de cada etapa, também existem os campeões gerais da temporada, somando a pontuação obtida nos sete eventos. A competição distribui R$ 45 mil às duplas campeãs dos dois naipes, e todos os times na fase de grupos são premiados. Ao todo, são distribuídos quase R$ 500 mil por etapa.

  • Copa do Brasil feminina: CBV divulga tabela com os oito classificados

    Equipe de Osasco é o atual campeão da Copa Brasil feminina
    (Créditos: Cristiano Andujar/Inovafoto/CBV)

    Redação

    O primeiro turno da Superliga Cimed feminina de vôlei 2018/2019 encerrou na noite de terça-feira (15/01) e, nesta quarta (16/01), a Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) divulgou a tabela da Copa Brasil 2019. Os oito primeiros colocados estão classificados e se enfrentam em cruzamento olímpico – primeiro contra oitavo, segundo contra sétimo e assim sucessivamente. A competição começa no próximo dia 22.

    De acordo com a classificação da Superliga Cimed, os confrontos ficaram assim: Dentil/Praia Clube (MG) x Curitiba Vôlei (PR), Minas Tênis Clube (MG) x Fluminense (RJ), Hinode Barueri x Osasco Audax (SP), e Sesi Vôlei Bauru (SP) x Sesc RJ.

    Os times mais bem classificados fazem esses jogos válidos pelas quartas de final em seus domínios. Os quatro vencedores estarão garantidos na Fase Final, que será disputada no ginásio Perinão, em Gramado (RS), nos dias 1 e 2 de fevereiro. O grande campeão estará garantido na Supercopa, onde se enfrentam as equipes donas dos títulos da Copa Brasil e da Superliga Cimed.

    COPA BRASIL FEMININA 2019

    Quartas de final

    22.01 (TERÇA-FEIRA) – Dentil/Praia Clube (MG) x Curitiba Vôlei (PR), às 19h30, no Praia Clube, em Uberlândia (MG)

    22.01 (TERÇA-FEIRA) – Minas Tênis Clube (MG) x Fluminense (RJ), às 20h, na Arena Minas, em Belo Horizonte (MG)

    22.01 (TERÇA-FEIRA) – Hinode Barueri (SP) x Osasco-Audax (SP), ás 19h30, no José Correa, em Barueri (SP)

    22.01 (TERÇA-FEIRA) – Sesi Vôlei Bauru (SP) x Sesc RJ, às 19h30, no Ginásio Municipal Neusa Galetti, em Marília (SP)

    Semifinal

    01.02 (SEXTA-FEIRA) – Vencedor do jogo 1º x 8º x Vencedor do jogo 4º x 5º, às 19h30, no Perinão, em Gramado (RS) – SPORTV 2

    01.02 (SEXTA-FEIRA) – Vencedor do jogo 2º x 7º x Vencedor do jogo 3º x 6º, às 21h30, no Perinão, em Gramado (RS) – SPORTV 2

    Final

    02.02 (SÁBADO) – Vencedor do jogo 5 x Vencedor do jogo 6, às 21h30, no Perinão, em Gramado (RS) – SPORTV 2

  • Corinthians abre seletiva para equipe de Vôlei Feminino

    Créditos: Divulgação Corinthians

    Redação

    O Corinthians irá realizar uma nova seletiva para a modalidade de Vôlei Feminino, visando a temporada de 2019. A atividade irá acontecer no dia 1 de fevereiro, no miniginásio, no Parque São Jorge.

    A seletiva será para ingressar ao time base de voleibol feminino do Corinthians. As atletas terão a oportunidade de mostrar seus fundamentos para serem avaliadas, pela comissão e integrantes do departamento do vôlei alvinegro.

    As interessadas deverão comparecer com antecedência para cadastro de acesso ao clube, portando o RG e estarem vestidas com trajes esportivos.


    Confira abaixo os horários da seletiva:

    • 1 de fevereiro – 14h, no miniginásio

    Nascidas: 2006, 2007 e 2008

    • 1 de fevereiro – 15h, no miniginásio

    Nascidas: 2003, 2004 e 2005

    OBS: No horário das 15h será apenas para atletas que participaram do Campeonato Paulista FPV ou Sindi Clube.

    Telefone para mais informações: (11) 2095-3000 (Ramal 3090)

    Endereço: Rua São Jorge n°777 – Tatuapé

  • Superliga Cimed masculina 2018/2019: Vôlei Renata tenta manter bom momento no Taquaral

    Créditos: Divulgação Vôlei Renata

    Redação

    Depois de conquistar sua primeira vitória fora de casa na Superliga Masculina Cimed, o Vôlei Renata volta aos trabalhos de olho num único objetivo: manter aproveitamento positivo dentro de casa. No próximo sábado (19/01), às 17 horas, os campineiros recebem o Fiat/Minas, no Ginásio do Taquaral, em Campinas. 

    Pela Superliga Cimed, os campineiros jogaram sete partidas diante sua torcida e conquistaram seis vitórias, com aproveitamento de 85%. Na temporada, somado ao Paulista, os números seguem excelentes. Em 14 jogos, foram onze triunfos. 

    Uma das responsáveis pela força do Vôlei Renata no Taquaral é a grande presença de público no Taquaral. O time campineiro terminou o primeiro turno da Superliga com a segunda maior média da Superliga Cimed, com presença de mais de 1.500 torcedores por partida.

    O Vôlei Renata é o quinto colocado da Superliga, com 20 pontos, três na frente do adversário do próximo sábado.  

  • Superliga Cimed feminina 2018/2019: Fluminense recebe o Pinheiros em casa

    Créditos: Lucas Merçon/FFC

    Redação

    Nesta quinta-feira, (17/01), o Fluminense entra em quadra para o primeiro confronto do returno da Superliga. A equipe recebe o Esporte Clube Pinheiros (SP), na Hebraica, às 19h. A partida também será transmitida ao vivo pelo site GloboEsporte.com.

    O Fluminense terminou a primeira fase do campeonato com 16 pontos (seis derrotas e cinco vitórias), na sétima colocação, enquanto as paulistas, com nove, terminaram em nono lugar, vencendo apenas três jogos.

    Para lotar as arquibancadas, o Tricolor faz promoção. Os 150 primeiros sócios ou torcedores que chegarem ao ginásio com a camisa do Fluminense ganham uma cortesia, que poderá ser retirada a partir das 17h. Os ingressos também estarão à venda a partir do mesmo horário, custando R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia-entrada).  A Hebraica fica na Rua das Laranjeiras, 346.

  • Copa Libertadores masculina: Sesi-SP vence e fica mais perto da fase classificatória para a final

    Créditos: Divulgação Sesi-SP

    Fonte: Amanda Demétrio – Assessoria Sesi/Núcleo de Comunicação

    Nas últimas rodadas da fase classificatória da Copa Libertadores de vôlei masculino, Sesi-SP e UPCN vencem e ficam a um passo de garantirem vaga na fase classificatória do torneio internacional. Após conquistar duas vitórias em três jogos disputados na primeira fase, o grupo comandado pelo técnico Rubinho garantiu mais um triunfo na noite desta terça-feira (15/01).

    Jogando em casa, no ginásio da Vila Leopoldina, os meninos da capital paulista garantiram o placar de 3 sets a 0 (25/23, 25/22 e 25/21) contra o Libertad Volley.

    Com uma vitória contra o próprio Libertad e o EMS Taubaté Funvic, e um revés para o UPCN, na Argentina, o Sesi-SP precisava do resultado positivo para seguir nas primeiras colocações e garantir uma vaga na fase final do torneio. E foi o que o time fez. Somando 9 pontos após a vitória, o grupo da capital paulista empata com o UPCN na segunda e terceira posição respectivamente.

    Equilibrado, o confronto entre Sesi-SP e Libertad contou com muitos ralis de tirar o folego e arrancou aplausos do torcedor presente no ginásio da Vila Leopoldina. Com todos seus atacantes bem atentos, o levantador William teve facilidade em conduzir a equipe. Para o técnico Rubinho, a competição está sendo muito importante para o grupo e para sequência na temporada.

    Em jogo disputado mais cedo, também no ginásio da Vila Leopoldina, EMS Taubaté Funvic e UPCN se enfrentaram, e no duelo para decidir a melhor colocação, melhor para os argentinos. Com o placar de 3 sets a 1 (20/25, 25/21, 16/25 e 26/28) o UPCN chegou aos nove pontos e assumiu a terceira colocação.

    Hoje, quarta-feira (16/01), a equipe argentina encara o Sesi-SP, às 20h30. Taubaté e Libertad entram em quadra às 18h. Ambos os jogos acontecem no ginásio da Vila Leopoldina.

  • Superliga Cimed feminina 2018/2019: Minas é superado pelo Hinode/Barueri e encerra primeiro turno na vice-liderança

    Créditos: Barueri Esporte Forte

    Redação

    A equipe feminina do Minas perdeu pela primeira vez na Superliga Feminina Cimed. Na noite dessa terça-feira, (15/01), em Barueri, na grande São Paulo, o time mineiro fez um jogo duro contra o Hinode Barueri e, após perder os dois primeiros sets, reagiu e levou a partida para o tie-break, que foi vencido, nos detalhes, pelas donas da casa. As parciais do confronto, adiado da 6ª rodada da fase de classificação, foram 25/22, 27/25, 19/25, 23/25 e 15/11.

    Com a derrota por 3 sets a 2, o Minas encerrou o primeiro turno na vice-liderança, com 29 pontos, um a menos que o Dentil/Praia Clube. A oposta polonesa Skowronska, do Hinode Barueri, brilhou no confronto e foi a maior pontuadora, com 26 pontos (23 pontos de ataque, dois de bloqueio e um de saque).

    As centrais Milka, com 17, e Thaisa, com 13, também se destacaram pelo time da casa. Pelo lado do Minas Tênis Clube, destaque para a ponteira Lana, com 23 acertos.

    Por outro lado, a líbero Natinha do Hinode Barueri levou o Troféu VivaVôlei.

    O duelo desta terça-feira também definiu o adversário do Minas na Copa Brasil, competição que é organizada pela Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) e que reúne os oito primeiros colocados do primeiro turno da Superliga. Na primeira fase, o Minas vai enfrentar o Fluminense, que terminou em sétimo lugar. A partida será na próxima terça-feira (22/01), às 20h, na Arena Minas Tênis Clube. Quem vencer, avança para a semifinal, que, neste ano, será disputada no dia 1º de fevereiro, em Gramado, no Rio Grande do Sul. A final será no dia 2/2, também  no interior gaúcho.

    Pela Superliga Cimed feminina 2018/2019, as duas equipes voltarão à quadra na próxima sexta-feira (18/01). O Minas Tênis Clube jogará com o BRB/Brasília Vôlei (DF), às 20h, na Arena Minas, em Belo Horizonte (MG). O Hinode Barueri (SP) mediará forças com o Sesi Vôlei Bauru (SP), às 21h30, no José Correa, em Barueri (SP).

  • Copa Brasil masculina: Sada Cruzeiro garante vaga na semifinal

    Créditos: Agenciai7/Sada Cruzeiro

    Redação

    Atual campeão da Copa Brasil masculina de vôlei, o Sada Cruzeiro (MG) garantiu, na noite desta terça-feira (15/01), sua classificação para a semifinal da edição 2019 do campeonato. A equipe cruzeirense assegurou a vaga ao vencer o Vôlei UM Itapetininga (SP), em casa, no ginásio do Riacho, em Contagem (MG), por 3 sets a 1 (27/25, 25/21, 24/26 e 25/14).

    Com um total de 22 pontos, o ponteiro americano Sander foi o maior pontuador, seguido pelo oposto Luan, com 14.

    O adversário do Sada Cruzeiro na semifinal será o Copel Telecom Maringá, no dia 26 de janeiro, às 21h, no Ginásio Jones Minosso, em Lages (SC), cidade que também sedia a decisão, no dia 27/01. Além das duas equipes, também já está confirmado na fase decisiva o EMS Taubaté Funvic. Os paulistas conhecerão seu oponente nesta quarta-feira, 16/01, após o confronto entre Sesc-RJ e Fiat Minas, às 20h, no Rio de Janeiro.

    TODOS OS CAMPEÕES DA COPA BRASIL MASCULINA: 

    2007 – Cimed EC (SC), em Joinville (SC)

    2014 – Sada Cruzeiro (MG), em Maringá (PR)

    2015 – EMS Taubaté Funvic (SP), em Campinas (SP)

    2016 – Sada Cruzeiro (MG), em Campinas (SP)

    2017 – EMS Taubaté Funvic (SP), em Campinas (SP)

    2018 – Sada Cruzeiro (MG), em São Paulo (SP)