• Superliga feminina 2019/2020: Osasco-Audax vence fora de casa

    Créditos: Divulgação

    Redação

    O Osasco-Audax foi até Bauru (SP) e voltou a vencer na Superliga 19/20 feminina de vôlei. Nesta sexta-feira (06/12), a equipe do treinador Luizomar de Moura superou o Sesi Vôlei Bauru (SP) por 3 sets a 2 (29/27, 25/18, 20/25, 20/25 e 15/12), no ginásio Panela de Pressão. A partida foi válida pela sétima rodada do turno da competição.

    A equipe de Osasco aparece em quarto lugar na classificação geral, com 14 pontos (cinco vitórias e uma derrota). O time de Bauru, com um jogo a mais, está na quinta colocação, também com 14 pontos (quatro resultados positivos e três negativos). O Sesc RJ lidera, com 20 pontos e sete vitórias.

    A ponteira Ellen se destacou, marcou 15 pontos, e ficou com o Troféu VivaVôlei, após votação popular. Apesar da derrota, o Sesi Vôlei Bauru teve a maior pontuadora do confronto, a oposta Polina Rahimova, com 26 pontos.

    Com a palavra:

    Ellen, ponta do Osasco-Audax:   “Tivemos momentos de altos e baixos. Jogamos com alegria, garra e vibração nos dois primeiros sets e erramos demais nos dois seguintes, mas seguimos na base da garra e tivemos força para ganhar o quinto. O resultado veio em função da energia do grupo, que ganha cada vez mais confiança”, afirmou Ellen.

    Anderson, técnico do Sesi Vôlei Bauru:   “Começamos o primeiro set bem, mas tivemos alguns erros no final. O segundo set erramos mais, não jogamos bem. Já no terceiro e no quarto sets, jogamos bem, buscamos o jogo, fizemos o que precisava ser feito. No tie break lutamos até o final e não vencemos. Agora, precisamos esfriar a cabeça, e nos preparar para o jogo de terça-feira contra o São Caetano”, analisou Anderson.

    O Sesi Vôlei Bauru terá como próximo adversário o São Cristóvão Saúde/São Caetano (SP) na terça-feira (10/12), às 19h30, no ginásio Panela de Pressão, em Bauru (SP). Já o Osasco-Audax voltará à quadra contra o Fluminense na quarta-feira (11/12), às 20h, no ginásio do Hebraica, no Rio de Janeiro (RJ). Os dois jogos terão transmissão ao vivo do Canal Vôlei Brasil.

  • Superliga masculina 2019/2020: América Vôlei consegue sua primeira vitória

    Créditos: Pedro Paraíso/América Vôlei

    Redação

    Jogando em casa, no ginásio Tancredo Neves, em Montes Claros (MG), o América Vôlei conseguiu sua primeira vitória na Superliga 19/20. Nesta quinta rodada, a equipe mineira venceu o Ponta Grossa Vôlei (PR) por 3 sets a 0 (27/25, 25/19 e 25/19).

    O Ponta Grossa Vôlei volta a jogar na Arena Multiuso no dia 04 de dezembro (quarta-feira), às 19 horas, contra o Vôlei Um Itapetininga. 

  • Superliga masculina 2019/2020: Sesi-SP vence fora de casa

    Créditos: Divulgação

    Redação

    O Sesi-SP também jogou fora de casa e, no ginásio Chico Neto, em Maringá (PR), assegurou o resultado positivo ao bater o Denk Academy Maringá Vôlei (PR) por 3 sets a 0 (25/19, 25/17 e 25/18). O central Éder se destacou ao longo da partida e foi escolhido pela comissão técnica do Sesi-SP o melhor jogador da partida. Já o oposto Alan, também do time paulista, foi quem mais pontuou na partida, com o total de 13 acertos.

  • Superliga masculina 2019/2020: EMS Taubaté Funvic vence o Vôlei UM Itapetininga e segue líder

    Créditos: Márcio Ferrari/Vôlei Itapetininga

    Redação

    O EMS Taubaté Funvic venceu mais uma partida pela Superliga Masculina de Vôlei 2019/2020. Jogando na noite deste sábado, (30/11), os taubateanos visitaram o Vôlei UM Itapetininga (SP) e venceram por 3 sets a 0 (parciais de 25/21, 25/21 e 27/25), em 1h40 de partida.

    O ponteiro Lucarelli brilhou no ginásio Ayrton Senna da Silva, em Itapetininga (SP), sendo o maior pontuador (14 pontos) e também eleito o melhor em quadra, sendo premiado com o Troféu VivaVôlei.

    Esta foi a quinta vitória do Taubaté em cinco jogos disputados até aqui na Superliga. A equipe se mantém na liderança da competição, chegando aos 15 pontos ganhos, e seguindo com 100% de aproveitamento até aqui, não tendo perdido nenhum set.

    O time volta a jogar pela Superliga na próxima quarta-feira, (04/12), às 21h00, no ginásio do Abaeté, contra o Denk Academy Maringá Vôlei (PR).

  • Superliga masculina 2019/2020: Vôlei Renata derrota Sada Cruzeiro e engata sequência

    Créditos: Agencia i7/ Sada Cruzeiro

    Redação

    O Vôlei Renata foi buscar a segunda vitória seguida na Superliga Masculina. No Ginásio Divino Braga, em Betim, os campineiros derrotaram o Sada Cruzeiro, por 3 a 2 (25/23; 20/25; 25/19; 15/25 e 18/16), em jogo válido pela quinta rodada da competição. O central Luizinho recebeu o troféu VivaVôlei de melhor em quadra. O oposto Evandro, do Sada Cruzeiro, foi o maior pontuador com 23 acertos.

    Com sete pontos, o Vôlei Renata segue firma na zona de classificação aos playoffs. O time campineiro volta a jogar no meio de semana para enfrentar o Sesi-SP, na quarta-feira (04/12), às 18 horas, na Vila Leopoldina, em São Paulo. 

    Com a palavra:

    Fernando Cachopa, levantador do Sada Cruzeiro:   “Acho que as duas equipes oscilaram muito hoje. No primeiro set começamos abaixo, o segundo jogamos bem, o terceiro foi ruim, o quarto muito bem e o tie-break foi decidido nos detalhes. A gente estava na frente, com duas, três bolas, e no final eles passaram. Nesta semana nós tivemos dois bons testes, contra o Sesc e agora contra Campinas, e o mais importante é melhorar o nosso volume de jogo ao máximo, crescer como equipe, como conjunto. E os jogos difíceis nos forçam, nos obrigam a melhorar. Vamos com tudo para este Mundial, para fazer o nosso máximo”, avaliou o levantador.

  • Superliga masculina 2019/2020: Fiat/Minas é superado pelo Sesc RJ, na Arena MTC

    Créditos: Orlando Bento/MTC

    Redação

    O Fiat/Minas entrou em quadra, na noite deste sábado (30/11), para mais uma partida da Superliga Masculina 2019/20. O time mineiro enfrentou o Sesc RJ e acabou superado por 3 sets a 0 (23/25, 16/25 e 21/25), na Arena MTC, em jogo válido pela quinta rodada do primeiro turno. O oposto Wallace foi eleito o melhor jogador da partida e ficou com o Troféu VivaVôlei. Com o resultado, a equipe permanece com seis pontos ganhos e está em sexto lugar na classificação. 

    Com a palavra:

    Wallace, oposto do Sesc RJ:   “A regularidade do nosso time foi melhor hoje, embora ainda com alguns altos e baixos. No geral, o time fez um bom papel, sacou bem, especialmente a partir do segundo set, e isso facilitou a nossa vida. Estávamos vindo de duas derrotas, mas sabemos que não adianta ficar remoendo isso. O caminho é esse e ainda temos muito a melhorar”, afirmou Wallace.

    Maique, líbero do Fiat/Minas:   “A gente se perdeu no final do primeiro set. O time vinha em uma boa sequência, passando bem, sacando bem e com volume de jogo, mas, em um deslize, perdemos o set. E o jogo é decidido nos detalhes. Nos desconcentramos no segundo set, tentamos reagir no terceiro, mas não deu. Agora, é seguir trabalhando. O grupo é bom, temos que acreditar mais no nosso trabalho e nosso potencial”, afirmou o líbero.  

  • Superliga feminina 2019/2020: No tie break, Pinheiros derrota o São Cristóvão Saúde/São Caetano

    Créditos: Osvaldo F./Contrapé

    Redação

    O Pinheiros levou a melhor sobre o São Cristóvão Saúde/São Caetano na noite deste sábado (30/11). Pela sexta rodada da Superliga feminina de vôlei 19/20, em São Caetano do Sul (SP), a equipe dirigida pelo técnico Sérgio Negrão venceu por 3 sets a 2, com parciais de 16/25, 25/21, 25/19, 19/25 e 15/13.

    A oposta Karina foi um dos destaques da partida e, por isso, escolhida pela comissão técnica do Pinheiros como a melhor em quadra. 

    Com a palavra:

    Karina, oposta do Pinheiros:   “A nossa equipe não começou bem na partida de hoje, mas depois nos aperfeiçoamos, melhoramos o passe e o ataque e conseguimos ganhar o jogo. Agora temos o Flamengo pela frente e é preciso treinar bem para ir confiante. Temos que começar bem os jogos e vamos arrumar esse detalhe nos treinos”, disse Karina, que complementou. “É o meu primeiro VivaVôlei e estou muito feliz”.

    Domingas, oposta do São Cristóvão Saúde/São Caetano:   “Viemos em uma evolução desde o Campeonato Paulista e sabemos que temos alguns detalhes a ajustar. Hoje foi um jogo onde todas deram um pouco a mais e, apesar de não conseguir a vitória, apresentamos um bom jogo. Já conseguimos mostrar a cara do time, com raça e esse é o caminho”, afirmou Domingas.

    Na sétima rodada, o São Cristóvão Saúde/São Caetano estará no Paraná para enfrentar o Curitiba Vôlei (PR) na próxima sexta-feira (06/12), às 21h, com transmissão ao vivo no pay per view do Canal Vôlei Brasil. Já o Pinheiros volta a jogar em casa, no dia seguinte, no sábado (07/12), quando receberá o Flamengo às 19h, com transmissão da TV Cultura.

  • Seletiva no Pinheiros

    Divulgação Pinheiros

    Redação

    O Esporte Clube Pinheiros abrirá no dia 05 de dezembro seletivas de Voleibol feminino para nascidas entre 2002 e 2009, para disputar o Campeonato Sindiclube.

    Horários:

    14h: meninas nascidas em 2006, 2007, 2008 e 2009.
    16h30: meninas nascidas em 2002,2003, 2004 e 2005.

    Documentos:

    Para a realização da peneira é obrigatória a apresentação do atestado médico com validade de 6 meses e RG original.

    Importante:

    Será permitido apenas 1 acompanhante por atleta.

    O clube não disponibilizará alojamento durante o campeonato.

    Local:

    Entrada pela portaria da escolinha,  na Rua Angelina Maffei Vitta.

  • Superliga masculina 2019/2020: Vôlei Renata vira para cima de Blumenau

    Créditos: Denny Cesare/Vôlei Renata

    Redação

    De virada, o Vôlei Renata conquistou a primeira vitória na Superliga Masculina. Na noite deste sábado (16/11), os comandados do técnico Horácio Dileo derrotaram Apan Blumenau, por 3 a 1 (23/25; 25/22; 26/24 e 25/16), no Ginásio do Taquaral, em Campinas, em jogo válido pela segunda rodada. Maior pontuador do duelo com 22 acertos, Vaccari levou o troféu VivaVôlei de melhor em quadra. 

    O Vôlei Renata volta a jogar na próxima quarta-feira (20/11) em novo duelo no Ginásio do Taquaral. O adversário será o Fiat/Minas, às 21h30, em duelo com transmissão no Sportv. 

  • Superliga masculina 2019/2020: EMS Taubaté Funvic vence o Ponta Grossa Vôlei e segue líder

    Créditos: Renato Antunes/Maxx Sports

    Redação

    O EMS Taubaté Funvic venceu seu segundo compromisso pela Superliga masculina de Vôlei 2019/2020. Jogando na noite deste sábado, (16/11), os taubateanos bateram o Ponta Grossa Vôlei (PR) por 3 sets a 0 (25/11, 25/16 e 25/20), em 1h08 de partida.

    O ponteiro Lucarelli foi o maior pontuador da partida, com 14 pontos (nove de ataque, três de saque e dois de bloqueio). E o central Maurício Souza recebeu seu segundo Troféu Vivavôlei nesta Superliga. 

    Com a vitória, o Taubaté chega a 6 pontos ganhos na Superliga, se mantendo na primeira colocação da competição. O time volta a jogar na próxima quarta-feira, 20/11, às 19h30 contra o Pacaembu/Vôlei Ribeirão (SP), fora de casa.

    Com a palavra:

    Maurício Souza, central do EMS Taubaté Funvic:   “O importante é a forma como nos portamos no jogo. Sabemos dos problemas que o time de Ponta Grossa está enfrentando, lamentamos por isso, mas temos que fazer o nosso trabalho. Sabemos que o caminho é duro, mas estamos trabalhando muito para conseguir alcançar os nossos objetivos. Esse troféu vai para a minha família e todos que torcem por mim”, disse Maurício Souza.

    O central do EMS Taubaté Funvic se referiu a entrada do time paranaense na Superliga 19/20 após a desistência do Botafogo e, com isso, a necessidade de alguns ajustes já com a competição em andamento.