• São José apresenta equipe para a temporada 2015/2016

    O São José Vôlei apresentou, o elenco para a temporada 2015/16 nesta segunda-feira, 27. O Comando técnico será de Leonardo Carvalho, e o evento que aconteceu em um hotel de São José dos Campos, interior de São Paulo. A equipe de São José confirmou os seguintes atletas: Centrais: Alberto, Everton, Brunão – Levantadores: Rodriguinho, Lucas Salim – Ponteiros: Dante, Diogo, Cristian Poglajen, Hugo Hammacher – Líberos: Mário Júnior – Matheus Oliveira, Matheus Henrique – Opostos: Alemão, Lorena e Athos. O primeiro jogo da equipe será neste sábado, 01 de setembro, às 19h, no ginásio do Tênis Clube, contra o São Bernardo, em jogo válido pela Copa São Paulo.

  • Vôlei de Praia: No Feminino, Brasil avança em Yokohama

    Nossas meninas seguem firmes no Grand Slam de Yokohama, no Japão. Das cinco duplas que iniciaram a disputa do torneio, quatro seguem em busca do título. Líderes de seus grupos, Ágatha/Bárbara, Juliana/Maria Elisa e Larissa/Talita, seguem invictas. Fernanda Berti/Taiana tiveram que disputar um jogo a mais, pela repescagem, mas também conseguiram a classificação. Maria Clara e Carolina se despidiram na fase de grupos.

  • Vôlei de Praia: Alison e Bruno Schmidt avançam em Yokohama

    Alison/Bruno Schmidt superaram a dupla polonesa formada por Grzegorz Fijalek e Mariusz Prudel e avançaram no torneio de Yokohama em busca de medalhas. Evandro/Pedro Solberg e Ricardo/Emanuel não tiveram a mesma sorte e disseram adeus.

    Nas quartas de final, Alison e Bruno Schmidt encaram os norte-americanos Jake Gibb/Casey Patterson.  A partida que pode dar vaga à semifinal ocorre às 00h35 (horário de Brasília) deste sábado.

  • Maringá apresenta time para a Superliga 2015/2016

    O novo elenco da Copel/Telecom/Maringá foi apresentado oficialmente nesta sexta-feira, na Associação Comercial e Industrial de Maringá. Do elenco, continuam na equipe o levantador e presidente do clube Ricardinho, o oposto Luan, o levantador Tiago Gelinski, o líbero Rogerinho e o central Mudo.

    Os novos nomes apresentados foram:  o levantador Elder Coutinho (Bento Vôlei), Ualas (UPCN-Argentina), o oposto Edinho (Montes Claros) e o ponteiro Thiago Sens (Taubaté), ponteiro Arthur Zayek (atuava no Líbano), central Michel (Bento Vôlei), o líbero Guilherme Gentil (ex-São Bernardo), o ponteiro Daivid Mota, o central Aureliano (Voleisul/Paquetá). A equipe também vai contar com o ponteiro da Seleção Japonesa, Tatsuya Fukusawa, que defendia o Panasonic Panthers.

  • Vôlei de Praia: Alison e Bruno Schmidt avançam em Yokohama

    Alison e Bruno Schmidt seguem na luta pelo título. A dupla não teve dificuldades para vencer os norte-americanos Jake Gibb e Casey Patterson por 2 sets a 0 (ambos por 21/16), neste sábado. Com isso, avançaram às semifinais do Grand Slam de Yokohama, no Japão, e buscam mais um ouro. Na próxima fase os brasileiros encaram os austríacos Clemens Doppler e Alexander Horst, neste sábado (manhã de domingo no Japão), às 22h45 (de Brasília), por uma vaga na grande decisão do torneio. A final acontece na madrugada deste domingo, às 4h35 (de Brasília).

  • Vôlei de Praia: Ágatha e Bárbara Seixas já estão nas semifinais de Yokohama

    Ágatha e Bárbara Seixas venceram pelas quartas de final do Grand Slam de Yokohama, no Japão, na madrugada deste sábado. Agora na semifinal elas enfrentam as canadenses Sarah Pavan e Bansley.

    A semifinal ocorre ainda neste sábado, às 10h (de Brasília, manhã de domingo no Japão). Fernanda Berti/Taiana e Larissa/Talita caíram nas quartas de final, enquanto Juliana/Maria Elisa deram adeus nas oitavas.

  • Grand Prix: Por antecipação Estados Unidos vencem Brasil e conquistam o título do Grand Prix 2015

    A Seleção Brasileira feminina de vôlei que sonhava com o 11º título do Grand Prix, viu esse sonho desmoronar neste sábado. A equipe chegou a sua segunda derrota na fase final do torneio, disputada em Omaha (EUA). Os Estados Unidos venceram por 3 sets a 0, com parciais de 25-16, 25-22 e 25-21, e asseguraram a conquista por antecipação.

    O Brasil agora precisa vencer a Itália para conquistar pelo menos a medalha de prata, isso é caso a Rússia venha a perder dois sets para o Japão, caso contrário a Seleção Brasileira Feminina terá que contentar-se com a medalha de bronze. A partida contra a Itália acontece deste domingo, às 17h (de Brasília).

  • Pan-Americano: Meninas são derrotadas pelos Estados Unidos e levam a prata

    Neste sábado, as brasileiras que tentavam a medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos de Toronto (CAN) perderam para as americanas vencerem por 3 sets a 0, com parciais de 25-22, 25-21 e 28-26 e viram o sonho de uma medalha de ouro fugir de suas mãos. As brasileiras, que tentavam o quinto ouro na competição, encontraram dificuldades para pontuar no ataque.

    Após perder os dois primeiros sets, a Seleção dava sinais de reação no terceiro set, o time chegou a vencer a terceira parcial por quatro pontos de diferença, mas deixou as rivais encostarem. Agora, o Brasil soma um total de nove medalhas em Jogos Pan-Americanos: quatro de ouro, três de prata e duas de bronze.

    A medalha de bronze ficou com a República Dominicana, que bateu Porto Rico por 3 a 1.

  • Pan-Americano: Seleção Masculina tenta o ouro diante da Argentina

    A Seleção Masculina de Voleibol entra em quadra neste domingo, às 16h (de Brasília), não somente para assegurar mais um ouro ao país no quadro geral de medalhas. Se conseguir o feito, a equipe também vai se igualar a Cuba como maior vencedora da modalidade.

    O Brasil, atual bicampeão, garantiu o título nas edições de 1963 (São Paulo), 1983 (Caracas-VEN), 2007 (Rio de Janeiro) e 2011 (Guadalajara-MEX), e está empatado com os Estados Unidos. Cuba conta com cinco medalhas.