Notícias

Contratação de Hooker garante potência ofensiva ao Vôlei Osasco-Audax

por: Pedro - Redação

0
Oposta foi campeã da Superliga com a equipe de Osasco em 2011/12                                              (Créditos: João Pires/VipComm)

Fonte: Rafael De Marco – ZDL

Como ensina o ditado popular, ‘a boa filha à casa torna’. Seis anos após a vitoriosa passagem por Osasco e que culminou no título da Superliga 2011/12, Destinee Hooker está de volta. A oposta é o primeiro reforço anunciado oficialmente pelo Vôlei Osasco-Audax para a temporada 2018/19 e chega para manter alta a potência ofensiva de um dos mais tradicionais time do mundo. “Estou voltando e muito agradecida pela oportunidade de jogar novamente no Liberatti para defender a nossa equipe, que foi onde tive minha primeira experiência no Brasil. Estarei cercada de familiares, amigos e, claro, nossos incríveis fãs. Nos veremos em breve”, garante a atleta norte-americana.

O técnico Luizomar comemora a contratação. “A Hooker tem uma identificação muito forte com o nosso projeto. Sua primeira passagem por aqui foi extremamente positiva, acredito que para os dois lados. Foi um grande momento da nossa equipe, com a conquista da Superliga 11/12, e ela defendeu os Estados Unidos na Olimpíada de Londres/2012 como uma das melhores jogadoras do mundo. O seu retorno agrega muito ao time. Hoje, ela chega mais experiente e em um momento importante do clube. Contamos com ela, que tem uma ligação muito forte com a torcida. Espero que essa conjunção de fatores nos traga bons frutos”, atesta o treinador.

Essa identificação com os fanáticos torcedores osasquenses foi sentida nas redes sociais. Quando a atleta postou fotos e vídeos vestindo a camiseta com a hashtag ‘maisosascodoquenunca’, dando indícios de sua volta, os torcedores foram à loucura. “Fico muito feliz com a lealdade dos fãs. Aqui é mais Osasco do que nunca. Estamos juntos nessa temporada. Quero mandar beijos para toda a torcida, que é demais. Estou ansiosa para chegar e rever cada um”, completou Hooker, que não vai morar sozinha. Ela trará os filhos Keitany e Robert, de 6 e 4 anos, respectivamente.

Entre as melhores lembranças da torcida, estão os 20 pontos marcados por Hooker na final da Superliga 2011/12. Luizomar lembra bem dessa época e enaltece as qualidade da oposta. “Minha relação com ela sempre foi muito boa e extremamente vitoriosa em 2012. Mesmo longe, ela sempre demonstrou muito carinho e respeito pela nossa equipe, então, essa atmosfera tem tudo para nos ajudar. A Hooker é uma atleta de muita potência ofensiva e grandes recursos técnicos. Certamente vai nos ajudar muito na caminhada para o heptacampeonato paulista e na luta para estarmos entre os quatro finalistas da Superliga e lutar pelo título”, explica.

Destinee Hooker tem 30 anos e nasceu na Alemanha, tendo se naturalizado norte-americana. A oposta integrou a seleção dos EUA na conquista da medalha de prata nos Jogos Olímpicos de 2012, em Londres. Pela seleção de seu país, ganhou ouro no Grand Prix de 2011, sendo eleita a melhor jogadora. Em clubes, além de Osasco, teve passagens pelo voleibol da Itália, Rússia, Porto Rico, Coreia do Sul e China, antes de retornar ao Brasil para a temporada 2016/2017, para defender o Camponesa/Minas, onde conquistou a medalha de ouro no Campeonato Sul-Americano de Clubes de 2018.

Time em construçãoHooker chega como primeira contratação oficial e vai se juntar à ponteira Mari Paraíba, à libero Camila Brait e à levantadora Carol Albuquerque, que foram confirmadas dia 29 de maio, durante o anúncio do apoio do Audax ao Osasco Voleibol Clube. Para os próximos dias, mais nomes, que farão parte do novo time osasquense, serão anunciados.

Leave a comment