Feminino

Em jogo duríssimo, Brasil vence a Alemanha de virada

por: Pedro - Redação

0

Redação

De virada, a seleção brasileira feminina venceu a Alemanha, neste domingo (13), por 3 sets a 1, parciais de (22-25, 25-17, 25-21 e 25-22), em um jogo duríssimo, em Rimini, na Itália. Após perder o primeiro set, o Brasil reagiu e venceu os sets seguintes, tendo a Alemanha na cola ponto a ponto até o fim. 

Com o resultado deste domingo, a seleção feminina mantém a segunda colocação da Liga das Nações, com nove vitórias e duas derrotas, somando 28 pontos. Os Estados Unidos, que venceram suas 11 partidas, somam 33 pontos e estão na liderança. A Turquia, também com nove triunfos, aparece na terceira posição, com 24 pontos. Cada equipe disputa 15 jogos na fase classificatória, com as quatro melhores passando para as semifinais.

Resumo dos pontos: Em ataques, as seleções ficaram iguais, 58 pontos para cada lado. Em bloqueios, o Brasil marcou 12 pontos contra 08 da Alemanha. Em saques, a Alemanha marcou 05 pontos contra apenas 01 do Brasil. Em erros, a Alemanha cedeu 26 pontos e o Brasil cedeu 14 pontos.

As maiores pontuadoras foram, as ponteiras Hanna Orthmann, da Alemanha e Gabi Guimarães, do Brasil, ambas com 21 pontos.

Com a palavra:

Hanna Orthmann, ponta da Alemanha: “Foi um jogo disputado. Jogamos muito bem, mas o Brasil é uma equipe muito boa, com jogadoras excelentes. Elas têm mais experiências do que nós, o que foi crucial no final. Grande jogo, nos mantivemos vivas o tempo todo e posso dizer que estou orgulhosa da minha equipe hoje”, disse a jovem ponteira.

Fê Garay, ponta do Brasil: “Não foi um jogo fácil. A Alemanha é uma equipe muito boa e o jogo foi muito difícil para nós, mas acho que estamos crescendo a cada dia, a cada jogo e esse tipo de jogo nos faz tentar dar o nosso melhor durante a partida e é muito bom podermos ganhar. Era uma espécie de jogo em que tínhamos que pensar na estratégia e cada vez, jogada a jogada, tínhamos que ser mais fortes que elas”, disse Garay.

Foto: Divulgação FIVB