Notícias

Superliga B: Duelo paulista vale a liderança isolada no feminino

por: Pedro - Redação

0
Créditos: Gaspar Nóbrega/Inovafoto/CBV

Redação

A disputa por posições na Superliga B feminina 2017 se acirra com a proximidade do final da fase regular. E na quinta rodada, que acontece neste fim de semana, a briga no topo da tabela é o destaque com o duelo entre as duas equipes ainda invictas na competição. Neste sábado (16.02) ADC Bradesco e Hinode/Barueri jogam na arena Bradesco, em Osasco, às 15h. O vencedor dará um passo importante rumo à classificação direta para a semifinal.

Pelo regulamento do campeonato, as sete equipes participantes jogam entre si em turno único, e a cada rodada um time fica de fora. Ao final da etapa classificatória, quem tiver a melhor campanha segue direto para a semifinal, e as demais participantes se enfrentam em play-off em sistema de melhor de três (2ªx7ª, 3ªx6ª e 4ªx5ª). ADC Bradesco e Hinode/Barueri têm campanhas semelhantes e estão empatados com nove pontos e três vitórias em três partidas (ambas já ficaram de fora por uma jornada), irão à quadra com uma motivação extra.

Além da partida decisiva entre os líderes, outros dois confrontos movimentam a quinta rodada na Superliga B feminina. Já nesta sexta-feira (17.02), o terceiro colocado, São Bernardo, joga em casa contra o lanterna, BRH-Sulflex/Clube Curitibano, que ainda não conseguiu vencer nesta temporada. O jogo será no Adib Moysés Dib, em São Bernardo do Campo, às 20h30.

Para completar a agenda o São José dos Pinhais, embalado pelo triunfo no clássico paranaense na rodada anterior, recebe o ACV/UnoChapecó/Orbenk, no Ney Braga, em São José dos Pinhais, às 18h. Os dois times têm três pontos, mas é a agremiação catarinense que tem vantagem na razão de sets e está em quinto, uma posição acima do time do Paraná. O quarto colocado na tabela, o Abel Havan Brusque é o clube que não joga nesta jornada.

Leave a comment