Notícias

Vôlei de Praia – Circuito Brasileiro tem final amanhã no feminino

por: Pedro - Redação

0

Fonte:  CBV

Ágatha/Bárbara Seixas (PR/RJ) e Larissa/Talita (PA/AL) dividiram o mesmo palco na última quarta-feira (16.09), quando foram anunciadas representantes do Brasil nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016. Três dias depois elas estarão frente a frente na decisão da etapa de Contagem (MG) do Circuito Brasileiro Vôlei de Praia Open. A final ocorre neste sábado (19.09), a partir das 19h45, com transmissão ao vivo do SporTV.

A competição ocorre no Parque Linear da Ressaca, em frente ao Shopping Contagem, com entrada franca à torcida. Além da transmissão da final da etapa, a disputa da medalha de bronze, entre Juliana/Maria Elisa (CE/PE) e Duda/Elize Maia (SE/ES), também será exibida ao vivo no SporTV e no site da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV), no link http://cbbvp.cbv.com.br/index.php/aovivo.

No caminho até a final, Ágatha e Bárbara Seixas começaram o dia com triunfo por 2 sets a 1 (21/18, 12/21, 16/18) sobre Fernanda Berti/Taiana (RJ/CE), ainda pelas quartas de final. Horas mais tarde, a vitória na semifinal veio contra Juliana/Maria Elisa (CE/PE), por 2 sets a 0 (23/21, 21/12), colocando a dupla novamente em uma final de uma etapa do circuito nacional.

Será o 13º confronto entre as duas duplas. No retrospecto, Larissa e Talita somam 10 vitórias, contra dois triunfos de Ágatha e Bárbara Seixas. A final também é uma repetição da decisão do Rio Open, etapa brasileira do Circuito Mundial, ocorrida há duas semanas. Empolgada pela classificação, Bárbara Seixas explica a motivação em disputar a primeira final após conquistar a vaga aos Jogos de 2016.

“O que muda é a motivação, quando você tem a sensação de um dever cumprido, de alcançar os objetivos iniciais, isso é muito bacana. Mas sabemos que temos muito trabalho pela frente e que aqui no Circuito Brasileiro o nível é muito forte, enfrentamos as mesmas duplas que encaramos lá fora, as brasileiras. Nós temos uma vontade muito grande de dar o nosso melhor sempre, independente de estarmos com a vaga ou não. Queremos voltar ao lugar mais alto do pódio em uma etapa do Brasileiro”, disse Bárbara, que completou.

“A gente está bem fisicamente, claro que o corpo vai pedindo um pouco de descanso, mas em relação aos outros anos, nosso trabalho está evoluindo cada vez mais. A cabeça também, dá uma certa aliviada, muita pressão que passamos. Jogando feliz e com leveza, jogamos bem. Além disso, a Maíra Ruas, nossa psicóloga, está sendo importante demais, ela faz um trabalho muito importante, deixando o ambiente da nossa equipe fantástico”.

Já Larissa e Talita (PA/AL) chegaram à decisão vencendo Ângela/Rachel (DF/RJ) por 2 sets a 0 (21/10, 21/11), ainda pelas quartas de final. No duelo seguinte, pela semifinal, novo triunfo por 2 sets 0 (21/16, 21/14), desta vez sobre Duda/Elize Maia (SE/ES), garantindo a segunda final consecutiva do tour nacional nesta temporada. Após a vaga, Talita explicou a ‘fome’ de conquistas da parceria formada em julho de 2014.

“Acho que o espírito do nosso time é esse. A Larissa brinca que não gosta de perder nem par ou ímpar. Sempre queremos mais e estamos nos motivando a cada torneio. Agora, estamos jogando o Circuito Brasileiro e queremos manter o título. Sempre vamos procurar coisas para nos motivar. O meu avô, que tem 90 anos, sempre assiste meus jogos e isso é uma motivação a mais. A minha família é a minha base e fico muito feliz de ter o apoio deles”, disse Talita, que completou.

“Elas estão atravessando um bom momento há um tempo. Isso mostra que o Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia Open é um torneio forte. Sempre os times que chegam entre os quatro são equipes de qualidade. Nós vamos repetir a final do Rio Open contra Ágatha e a Bárbara e tenho certeza que vamos ter um grande jogo. As duas duplas estão em um bom momento”.

Cada dupla campeã de uma etapa do Open soma 400 pontos no ranking da temporada, além de levar para casa um prêmio de R$ 45 mil. Todas as equipes são premiadas, e somando os dois naipes, o torneio distribui mais de R$ 420 mil aos atletas.

O Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia terá nove etapas (cinco em 2015 e quatro em 2016) e uma edição do SuperPraia, com campeões independentes. Depois de Brasília e, agora, Contagem (MG), o tour ainda passará neste ano por Goiânia (GO), Bauru (SP) e Curitiba (PR). As quatro etapas de 2016 e o SuperPraia, que reúne as oito melhores duplas da temporada, ainda terão suas cidades confirmadas.

FINAL
Larissa/Talita x Ágatha/Bárbara Seixas – 19h45

BRONZE
Juliana/Maria Elisa x Duda/Elize Maia – 19h

Leave a comment