Feminino

Brasília Vôlei vence no primeiro jogo de 2021

por: Pedro - Redação

0
A ponteira Isabela Paquiardi leva o primeiro VivaVôlei de 2021.
Créditos: Nadine Oliver

Redação

Após um começo de temporada cheio de desafios devido ao surto de Covid-19, o Brasília Vôlei começou 2021 com o pé direito. Neste domingo (03), o time candango superou o Fluminense por 3 sets a 1, parciais de (25/23, 25/11, 20/25 e 25/23), no ginásio das Laranjeiras, no Rio de Janeiro (RJ). A partida havia sido atrasada na sétima rodada do turno da competição por casos de coronavírus na competição. 

O resultado colocou o Brasília Vôlei em nono lugar na classificação geral, com oito pontos (três vitórias e oito derrotas). O Fluminense é o 10º colocado, com seis pontos (dois resultados positivos e seis negativos).

Jogando em casa, o torcedor do Fluminense já sofreu a primeira frustração antes mesmo do início do confronto. A estreia da campeã olímpica Maria precisou ser adiada por causa de dores na região lombar. A jogadora sentiu o desconforto ainda no aquecimento e assistiu, do banco de reservas. Outro desfalque, foi a jovem oposta Bruna Moares, um dos destaques da equipe, que acertou sua transferência para a Coreia do Sul e não defenderá mais o Fluminense na temporada.

A ponteira Isabela Paquiardi entrou bem durante a partida, se destacou e ficou com o primeiro Troféu VivaVôlei de 2021. A atacante fez questão de dividir o prêmio com as companheiras de equipe. A ponteira Ingrid Felix, do time candango, também teve boa atuação e foi a maior pontuadora do confronto, com 19 acertos, (01 de bloqueio e 18 em ataques). Do lado do Fluminense, a ponteira Dayse, que terminou a partida com câimbras nas duas panturrilhas, foi a maior pontuadora do Tricolor, com 17 pontos, (02 de bloqueios e 15 em ataques). 

Com a palavra:

Isabela Paquiardi, ponta do Brasília Vôlei: “Foi um resultado importante para o nosso time. Estamos correndo atrás de resultados como esse. Precisamos manter essa pegada e ir para cima porque ainda temos muito o que evoluir. Esse troféu é da equipe porque ninguém joga sozinho. Estou muito feliz com a vitória e esse é o caminho daqui para frente”, disse Isabela Paquiardi.

O Fluminense buscará reabilitação contra o Curitiba Vôlei nesta terça-feira (05/01), às 19h, no ginásio do Colégio Positivo, em Curitiba (PR). O Brasília Vôlei jogará contra o Dentil/Praia Clube no dia 12 de janeiro, às 19h, no Sesi Taguatinga, em Brasília (DF).

Fotos: Nadine Oliver